O Que É Depressão?

09/07/2009 • Por • 38,850 Acessos

Dizer o que é depressão é difícil, é mais fácil dizer o que ela não é: depressão não é loucura, não é falta de força de vontade, não é um problema de caráter, não é preguiça, não é manipulação das outras pessoas. Depressão é uma doença como outra qualquer!

Não se pode confundir a depressão com os estados normais de tristeza. Se você está abalado pela perda de um ente querido então seu estado de humor não tem nada de errado, pois existe uma causa conhecida e este estado tende a passar com o tempo.

Já a depressão é uma doença como outra qualquer e exige tratamento adequado.

Muitas pessoas têm dificuldade em admitir que se trata apenas de uma doença porque ela acontece no cérebro e no sistema nervoso. Quando estamos com problemas no coração ou na vesícula, por exemplo, dizemos que "meu coração" ou "minha vesícula" esta doente, mas quando temos depressão dizemos "EU estou deprimido" quando deveríamos dizer "meu cérebro está doente" e procurar ajuda como faríamos com qualquer doença.

E  não basta tratar apenas o deprimido, é preciso "tratar" também as pessoas que lidam com a pessoa doente. Elas precisam compreender que o paciente não está deprimido por que quer, que não basta ele querer para sair dessa. Ele está doente e não vai melhorar se não procurar ajuda profissional, tomar os remédios receitados e fazer, se necessário, uma terapia auxiliar com um psicólogo por exemplo. Ele pode estar fazendo coisas estranhas, dizendo coisas que machucam, mas "não é ele", ele não está em seu estado normal, não está vendo a realidade como ela é porque a depressão distorce a realidade do deprimido. Para ele TUDO é ruim e TUDO vai dar errado. Mas quando ele sai da crise percebe o que fez e fica muito envergonhado.

Entenda a fisiologia da depressão:

Fisicamente a depressão é causada por uma falha nos neurotransmissores, que são os agentes químicos que levam a informação de um neurônio para outro. Os neurônios, ao contrário do que se imagina, não estão unidos uns aos outros como as demais células do corpo. Eles possuem um espaço entre eles que precisa ser preenchido por substâncias que tenham a capacidade de transmitir a informação para que ela cheque até o próximo neurônio e assim circular no sistema nervoso e fazer contato com o cérebro. Quando os neurotransmissores são insuficientes ou não estão funcionando bem a informação chega distorcida ao cérebro e a pessoa não consegue perceber a realidade como ela de fato é. ISSO É DEPRESSÃO! Os remédios antidepressivos corrigem o problema com os neurotransmissores e a pessoa volta ao seu estado normal.

Então porque fazer terapia com um psicólogo?

Porque a depressão é mal compreendida pelo paciente e pelas pessoas que o cercam, e geralmente a pessoa convive com ela por muito tempo até procurar ajuda e ser tratado. Então ficam sequelas psicológicas que precisam ser tratadas. O paciente precisa elevar a sua auto-estima, compreender racionalmente tudo pelo que passou e aceitar que está doente, se perdoar pelas coisas que fez e disse quando estava "fora da casinha" como se diz.

Quem isso escreve fala por experiência própria pois tenho este problema e o que escrevi acima é o resultado do que aprendi e que muito me ajudou.

Espero ter ajudado àqueles que estão passando por isso e não sabem como agir.

Perfil do Autor

Gilson Almeida

Amante e admirador das artes de luta, já praticou dois estilos de artes marciais: Taekwondo e Full Contact; e pretente agora praticar Karatê...