Correio Fraterno( Cartas Do Além)

Publicado em: 09/02/2009 |Comentário: 0 | Acessos: 1,051 |

CORREIO FRATERNO( CARTAS DO ALÉM)



A revista “Isto É” de 11/02/2009 – Ano 32 e nº. 2048 - traz uma matéria cujo conteúdo já é conhecido desde os idos de 1857, na França e mesmo em outras localidades. Cartas do Além é o título da matéria. O Espiritismo é ciência nova que vem revelar aos homens, por meio de provas irrecusáveis, a existência e a natureza do mundo espiritual e as suas relações com o mundo corpóreo. É a alavanca de que Deus se utiliza para fazer que a Humanidade avance. Para reforçar as conotações da revista e que a Doutrina Espírita nos ensina, a comprovação maior dos dois mundos se concretizou com a vida do único Espírito Puro a pisar em solo terrestre, Jesus Cristo. A Bíblia em João já fala no Espírito da verdade que Jesus afirmava que este Espírito viria para substituí-lo. O Espírito da Verdade que preside ao grande movimento da regeneração, a promessa da sua vinda se acha por esta forma cumprida, porque de fato, é ele o verdadeiro consolador.



Se o mundo espiritual ou mundo dos desencarnados não existisse a figura de Jesus Cristo seria pura simbologia. A doutrina Espírita apresenta-se sob três aspectos diferentes, ou seja: o das manifestações, o dos princípios e da filosofia que delas decorrem e o da aplicação desses princípios. Essa crença em afirmar que o ser humano, ao atingir a estagnação biológica, ficará dormindo até a chegada do juízo final é um dogma criado pelos religiosos. Na própria Bíblia, mas precisamente no Novo Testamento Jesus afirmava quando fazia uma pergunta ao doutor das leis, Nicodemos. “O homem para atingir o Reino dos Céus precisa nascer de novo”. Nicodemos ficou pasmo e indagou a Jesus: “Mestre um velho como eu poderei adentrar ao útero da minha mãe”? Jesus na sua sapiência respondia: “Nicodemos você como doutor das leis não entendeu as minhas afirmações, o que direi dos outros que não sabem ou não estão preparados como você”? “O homem para atingir o Reino dos Céus é necessário nascer de novo e deve nascer da água e do espírito”.



Como Jesus sempre falou através de parábolas, muita gente interpreta as palavras do Mestre de forma errônea. A água a que Jesus se refere é o líquido amniótico, que o embrião passar a viver durante nove meses de gestação, e o espírito é o ser sutil e semimaterial que ocupará a nova matéria. Kardec chamou este corpo sutil de Perispírito. Já o cientista Russo Alexander Assakof que passou anos estudando o corpo humano disse que em nosso corpo material existia outro e o denominou de Corpo bio-plasmático. Tanto o Perispírito, como o corpo bio-plasmático são o que chamamos de Espírito. A alma é um espírito encarnado. O Espiritismo é, sem contradita, o mais poderoso elemento de moralização, porque mina pela base o egoísmo e orgulho, facultando um ponto de apoio à moral. Na transfiguração no Monte Tabor, que também está na Bíblia Jesus conversa com os espíritos materializados de Elias e Moisés que viveram séculos antes de Jesus Cristo. O desencarnado se materializa através do processo de ectoplasmia. Paulo já afirmava em suas cartas que no mundo espiritual não existe lugar para carne e sangue.



E o que seria dos grandes vultos da religião católica denominados de santos? As festividades comemorativas a esses santos seriam evasivas? E os milagres a eles atribuídos seriam farsa? Claro que não. “Francisco de Paula Cândido Xavier o ser humano possuidor de quase todos os tipos de mediunidade já psicografava e através da psicografia escreveu o ‘Livro Correio Fraterno de autores diversos”. A mediunidade é exclusiva do ser humano e não do Espiritismo como muita gente pensa. A comunicação com o além é fato certo e notório e se constata este procedimento com muita frequência no Antigo Testamento. Quando Moisés no Monte Sinai teria recebido a tábua dos dez Mandamentos, este ato seria a primeira psicografia que se tem conhecimento. “Como as pessoas que acreditam na comunicação como “os mortos” mudaram suas vidas a partir de mensagens psicografadas. É preciso que os neófitos vejam com bons olhos o que a Bíblia diz quando usa a terminologia - mortos. Leiam em Matheus: quando Jesus convida um jovem a segui-lo e ele diz que seguirá, mas somente depois que enterrar o pai que tinha morrido. Jesus de pronto respondeu: “Deixai que os mortos enterrem seus mortos”. Deus virá julgar os vivos e os mortos no juízo final. Os mortos são simbologias, visto que mortos para Deus e seu filho são pessoas ou seres humanos que vieram a terra somente para praticar o mal em detrimento do bem. Pensem Nisso! O Padre Bernhardin Krempel, C.P – Doutor em Teologia é responsável pelo lançamento de um livro cujo título é: “Carta do Além”.



ANTONIO PAIVA RODRIGUES-MEMBRO DA ACI E ALOMERCE




Avaliar artigo
5
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 8 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/religiao-artigos/correio-fraterno-cartas-do-alem-762890.html

    Palavras-chave do artigo:

    reencarnacao existe mundo espiritual alem consolador

    Comentar sobre o artigo

    O que nos revela a doutrina da reencarnação. Por que há reencarnação? Esta é a verdade e que nenhum ser humano pode fugir dela, mesmo que algumas religiãos na aceita.

    Por: Henrique Pompilio de Araújol Religião & Esoterismo> Religiãol 13/09/2009 lAcessos: 1,081 lComentário: 1
    Jordanio Aguiar

    O presente artigo almeja discutir o caminho do Ensino Religioso na história da educação brasileira, iniciando-se pelo período colonial, imperial, republicano e pelas constituições até a idade contemporânea com a nova LDB 9.475 de 22 de julho de 1997, onde o Ensino Religioso é refletido como sendo uma disciplina curricular de obrigatoriedade das escolas públicas de ensino fundamental, proibidas quaisquer formas de proselitismo, ou seja, o Ensino Religioso deve respeitar a pluralidade cultural .

    Por: Jordanio Aguiarl Religião & Esoterismo> Religiãol 23/02/2015

    O corpo de carne que está com suas partículas conjugadas caminhando do infinitamente pequeno ao infinitamente grande, é igual no rico e no pobre, no preto e no branco, no rei e no súdito.

    Por: ADRASTIA ABNARAl Religião & Esoterismo> Religiãol 23/02/2015
    Magali Rossi

    A temperança, que em latim é temperare = guardar equilíbrio, é uma das 4 virtudes cardinais, caracterizada pelo domínio de si e pela moderação dos desejos. A energia desse arcano é de sutileza, interiorização e em diversos tarôs ela aparece alada...

    Por: Magali Rossil Religião & Esoterismo> Religiãol 22/02/2015

    O ser humano é não é comandado inteiramente por si mesmo. Existe um espírito que nos comanda. Estes espíritos pelo fato de não distinguirem aquilo que nos faz bem ou mal são chamados de loucos. Quem os coloca no lugar é nossa razão, nosso equilíbrio e bom senso. A ausência destes fatores fazem com que o ser humano obedeça a vontade do espírito sem refletir, o que incide constantemente em erros e malefícios.

    Por: Alf Arianl Religião & Esoterismo> Religiãol 13/02/2015

    A forma de atuação do regente da vida humana. Existem dois regentes para nosso existir: O espiritual e o humano ou da vida física. Foi usado o nome Codon para criar uma relação de entendimento sobre aquilo que está escrito no livro de Daniel. Exploramos o entendimento da linguagem oculta através deste artigo.

    Por: Alf Arianl Religião & Esoterismo> Religiãol 05/02/2015

    A Mediunidade é a faculdade que permite o intercâmbio entre o mundo físico e o espiritual. "O dom da mediunidade é tão antigo quanto o mundo. Os profetas eram médiuns [...] Todos os povos tiveram seus médiuns. E as inspirações de Joana D'Arc nada mais eram que a voz dos Espíritos benfeitores que a dirigiam

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Religião & Esoterismo> Religiãol 03/02/2015

    A transmigração não há como ser negada. Voltando em apenas 660 anos em nossa ancestralidade, iremos nos deparar com um número de pais superior a população mundial atual. Este tema exige uma profunda reflexão relacionada a existência das nossas almas.

    Por: Alf Arianl Religião & Esoterismo> Religiãol 31/01/2015 lAcessos: 11

    As almas são produtos de duas classes de espíritos, os celestes ou os terrestres. O termo filho do Homem significa alma produto de um espírito pai. O Homem superior produz luz em forma de sabedoria. O homem inferior produz o mal em suas trevas.

    Por: Alf Arianl Religião & Esoterismo> Religiãol 29/01/2015 lAcessos: 15

    Numa esplendorosa noite de lua cheia, vislumbrei o céu estrelado que nos convidava para uma bela noitada de amor. Olhei para o belo e delicado semblante de meu amor, pisquei os olhos, mas ela sem entender de que se tratava perguntou-me em tom suave, o que eu estaria almejando. Pensei em dizer-lhe que desejaria unir nossos corações naquela noite de luar convidativa para uma sessão de afagos e carinhos.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Poesial 19/02/2015

    Dentre os muitos escândalos surgidos no governo do Partido dos trabalhadores (PT), desde sua inserção na presidência da República, que os escândalos não param, pois assim que se chega ao fim uma investigação, começa outra. Mensalão, Propinoduto, Petrolão, BNDES e vem mais um o Eletrolão. São tantos escândalos que a Polícia Federal não terá condições de averiguar todos, visto que a demora em apontar nomes pode ser considerado o ponto fraco das investigações

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Crônicasl 19/02/2015

    Dizem alguns historiadores que uma grande maioria das festas cristãs tem um cunho pagão. Quem faz as afirmações baseia nas tradições dos povos antigos, pois os rituais eram mágicos religiosos e os religiosos usavam essa artimanha para controlar certos e determinados fatores que poderiam representar reveses em suas vidas. Com o passar do tempo tudo muda, no entanto, os desvios foram se sucedendo e nos dia de hoje esses rituais aparecem muito deturpados, nas mais diversas festividades cristãs.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Crônicasl 17/02/2015

    Segundo o dito popular amor de carnaval desaparece na fumaça. É igual a dor de cabeça, quando tomamos um comprimido, ela normalmente passa. Na vida tudo passa e o tempo se encarrega disso. Ao assistirmos os belos desfiles de carnaval pelo Brasil afora, denotamos que momentos de prazer se misturam a momentos dolorosos. Enquanto nosso País passa por momentos difíceis, o povo se esbalda, enche o papo de cachaça, cerveja e outras bebidas malfazejas.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Crônicasl 17/02/2015

    A palavra cidadania é a qualidade ou estado de cidadão. Já cidadão é o indivíduo no gozo dos direitos civis e políticos de um Estado, ou no desempenho de seus deveres para com este. Habitante de uma cidade, indivíduo, sujeito, homem, mas naturalmente um hominal de conduta ilibada. Cidadão do mundo é o homem que põe os interesses da humanidade acima da pátria; cidadão do Universo.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Crônicasl 14/02/2015

    Meu amigo você continua a não me entender. Você afirma que foram criados todos esses órgãos, mas os mesmos não funcionam. Por que o chefão da quadrilha (O Barba está solto?) não teve coragem de dar um depoimento para amenizar a situação dos seus companheiros de partido. Ficou ausente o tempo todo. O que adianta criar órgãos que os próprios petistas não obedecem? Eu nada tenho contra ou a favor do governo Fernando Henrique.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Crônicasl 10/02/2015

    O poder da palavra está na força do coração. A palavra simboliza a educação, a ética e a sabedoria… O poder da palavra está na vida e na dedicação. A palavra fortalece o poder e a sua força não negaria.

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Poesial 08/02/2015

    Na minha vida compartilhei alegrias e tristezas, assim como nos céus brilham as estrelas, umas mais cintilantes, outras menos. Nos jardins brilham as flores e as rosas vertem perfumes, umas mais outras menos, mas são nos menores frascos que encontramos os melhores perfumes. Ouvi alguém afirmar: "No céu escolhi uma estrela de uma bela constelação, no jardim escolhi uma flor, para ser o meu grande amor e embelezar o meu coração".

    Por: Antonio Paiva Rodriguesl Literatura> Poesial 04/02/2015
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast