A Ginástica Laboral, Benefícios E Curiosidades :: Revitality

Publicado em: 03/09/2009 |Comentário: 4 | Acessos: 5,142 |

Os movimentos pró-ginástica laboral já eram praticados desde a década de 60, em diversos países como Bulgária, antiga Alemanha Oriental, Suécia e Bélgica. Mas, foi somente no Japão que a Ginástica Laboral consolidou-se como prática obrigatória nas indústrias e serviços. Nos EUA, desde 1974, aproximadamente 50 mil empresas realizam programas diários de ginástica durante a jornada de trabalho (Sesi, 1996).

No Brasil, a Ginástica Laboral foi introduzida em 1969 por executivos nipônicos na Ishikawajima do Brasil Estaleiros S.A. (Ishibrás), localizada no Rio de Janeiro, e era realizada com 4.300 funcionários no início do expediente, divididos em grupos, ao ar livre, de acordo com a sessão a que pertenciam. A Ginástica Laboral tinha, ao todo, 8 minutos de duração (Ministério da Educação, 1990, p.193).

Entre os anos de 1990 e 2000, mais especificamente de 1995 em diante, a Ginástica Laboral começou a ser compreendida como um bom instrumento na melhoria da saúde física do trabalhador, reduzindo e prevenindo problemas ocupacionais (Lima, 2003).

Segundo Dias (1994), a Ginástica Laboral consiste em exercícios específicos que são realizados no próprio local de trabalho, e atuam de forma preventiva e terapêutica. A autora afirma que essa ginástica não sobrecarrega e não leva o funcionário ao cansaço porque é leve e de curta duração.

De acordo com o Ministério da Educação (1990), o objetivo principal da ginástica na empresa é possibilitar um aquecimento muscular capaz de atenuar a incidência de acidentes de trabalho causados por esforço físico sem preparação. Esses exercícios devem ser dosados de modo que se obtenham esse aquecimento e a oxigenação necessária à melhoria do estado físico geral. Ainda conforme o Ministério da Educação (1990), o programa da Ginástica Laboral envolve outros objetivos, como promover maior disposição para o trabalho, maior capacidade respiratória, vitalidade muscular e mental, além de descontração no ambiente/ relações de trabalho.

Pesquisas apontam que há três momentos, durante a jornada de trabalho, em que podem ser feitas as aulas de Ginástica Laboral:

  1. Ginástica Laboral de Aquecimento ou Preparatória – realizada antes da jornada de trabalho, aquece os grupos musculares solicitados nas tarefas;
  2. Ginástica Laboral de Pausa ou Compensatória – realizada no meio do expediente, alivia tensões, fortalece os músculos do trabalhador e interrompe a monotonia, promovendo exercícios específicos de compensação para esforços repetitivos;
  3. Ginástica Laboral de Relaxamento – praticada no final ou após o expediente de trabalho, tendo como objetivo o relaxamento muscular e mental dos trabalhadores.

Quando se implanta um programa de Ginástica Laboral numa empresa, envolve-se a coletividade, o que propicia, além dos benefícios físicos em si (respiração, alongamento muscular, melhor oxigenação e circulação sangüínea), momentos de descontração, e um desligamento momentâneo dos problemas do trabalho. É uma pausa em que, apesar dos cargos exercidos, “todos são iguais”: seres humanos em busca de bem-estar, saúde e qualidade de vida no trabalho. Independente de suas funções, ali, naquele momento, todos irão relacionar-se, praticar exercícios, cooperar com os outros, conhecer suas necessidades e limitações, enfim, se portar como “alunos”.

O envolvimento e a proximidade dos dirigentes com os funcionários refletem-se no sucesso de todos os Programas de Qualidade de Vida dentro da empresa, em especial nas aulas de Ginástica Laboral.

Acredita-se que a Ginástica Laboral seja um caminho para a ampliação do conceito de saúde e mais um campo de atuação para os profissionais. É inegável que as empresas têm recorrido a esses Programas com objetivos específicos, e que têm aberto suas portas para as aulas de Ginástica Laboral, embora ainda faltem alguns ‘acertos’ para que possamos afirmar haver um comprometimento efetivo das corporações com a Ginástica Laboral.

Extraído do livro “Ginástica Laboral e Ergonomia” de Fabiana Figueiredo e Claudia Mont’alvão (p. 66 - 87)

BENEFÍCIOS:

1• Para o trabalhador

:: A Ginástica Laboral Alivia o estresse
:: A Ginástica Laboral Reduz a ansiedade
:: A Ginástica Laboral Aumenta a motivação
:: A Ginástica Laboral Aumenta a concentração
:: A Ginástica Laboral Relaxa o corpo por completo
:: A Ginástica Laboral Reduz os acidentes de trabalho
:: A Ginástica Laboral Melhora da circulação sanguínea
:: A Ginástica Laboral Melhora o desempenho profissional
:: A Ginástica Laboral Previne a D.O.R.T.
:: A Ginástica Laboral Reduz a fadiga visual, corporal e mental
:: A Ginástica Laboral Melhora a mobilidade das articulações

2• Para a empresa

:: A Ginástica Laboral Reduz o índice de absenteísmo
:: A Ginástica Laboral Aumenta a produtividade
:: A Ginástica Laboral Aumenta os lucros
:: A Ginástica Laboral Reduz os acidentes de trabalhos
:: A Ginástica Laboral Reduz os sintomas e queixas dolorosas
:: A Ginástica Laboral Melhora os relacionamentos
:: A Ginástica Laboral Melhora a saúde geral dos trabalhadores
:: A Ginástica Laboral Diminui os atestados por doenças
:: A Ginástica Laboral Reduz despesas com assistências médicas
:: A Ginástica Laboral Melhora a imagem da empresa perante seus colaboradores

EXEMPLO DE SÉRIE DE GINÁSTICA LABORAL:

Alongamento e mobilização de MMII

  1. Espreguiçar forçando um braço para cima e outro para baixo.
  2. Forçar o que estava em cima para frente e o que estava abaixado para trás.
  3. Na posição 2, colocar a perna contralateral a frente com o joelho dobrado transferindo o peso para mesma com a perna de trás esticada.
  4. Na posição 3, flexionar o tronco a 90º.
  5. Repetir de 1 ao 4 com o outro lado.
  6. Afastar os braços lateralmente colocando o punho em flexão palmar, transferir lateralmente as pernas.
  7. Fazer o “4” com a perna e agachar.
  8. Se abraçar, girar o tronco para um lado e para o outro.
  9. Dobrar os joelhos e flexionar o tronco ao máximo.
  10. Na posição 9, relaxar os braços.
  11. Promover rotação da cervical para um lado e depois para o outro.
  12. Espreguiçar.

Créditos pela série: Ft. Karine Monteiro.

GL no chão de fábrica (Foto: Revitality)

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 1 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/saude-artigos/a-ginastica-laboral-beneficios-e-curiosidades-revitality-1190172.html

    Palavras-chave do artigo:

    saude

    ,

    qualidade de vida

    ,

    ginastica laboral

    Comentar sobre o artigo

    elisandra marines krenchinski

    Alcançar a qualidade de vida no trabalho é um grande desafio para as organizações, ela proporciona maior bem estar e equilíbrio para os colaboradores, gerando alta satisfação e comprometimento. Vemos que os benefícios são muitos, e quando aplicada de maneira adequada a ginástica laboral gera forte impacto para a saúde emocional e física dos colaboradores e na saúde financeira das organizações.

    Por: elisandra marines krenchinskil Negócios> Administraçãol 06/05/2009 lAcessos: 10,955 lComentário: 4
    Fernando João de Jesus Santana

    RESUMO Este trabalho foi realizado através da pesquisa de campo, aplicando 30 questionários, que tratará da temática qualidade de vida como fatores sócio ambiental, o qual esta relacionada às questões ambientais, sociais, política, econômicas e culturais que interferem na vida de crianças da Escola Municipal Manoel de Paula Menezes Lima localizada na cidade de Lagarto/se, onde estas crianças e jovens possui uma vulnerabilidade social em linha geral, estas também possui suas condições não razoáve

    Por: Fernando João de Jesus Santanal Educação> Ciêncial 24/07/2011 lAcessos: 504

    No Brasil, as primeiras manifestações de atividades físicas entre funcionários foram registradas em 1901. A Ginástica Laboral é a principal responsável pela redução de despesas por afastamento médico, por acidentes e lesões de trabalho, condiciona a melhora da imagem da instituição perante os funcionários e também da sociedade, além de aumentar a produtividade e a qualidade do trabalho.

    Por: Alexandre Vieiral Esportel 20/01/2009 lAcessos: 17,050 lComentário: 3
    Luiz Otavio D. Pinheiro

    Ginatica laboral, benefícios para os professores de educação física e para quem gosta de enrolar no trabalho.

    Por: Luiz Otavio D. Pinheirol Negócios> Gestãol 09/08/2010 lAcessos: 805
    Thiago Miranda

    Se por um lado, a tecnologia e a industrialização facilitam nossas vidas e contribuem para o progresso social e econômico da civilização, por outro nos colocam a mercê de uma série de fatores de riscos relacionados ao estado de saúde. Contrariando essa perspectiva, a Educação Física aparece como uma das variáveis na promoção da qualidade de vida e da saúde, tendo papel importante na atuação escolar (NAHAS, 2001). A pesquisa pretende apontar o papel da educação física em pról à qualidade de vida.

    Por: Thiago Mirandal Educação> Ensino Superiorl 31/07/2009 lAcessos: 14,146 lComentário: 2
    Márcio Aldecoa

    Setor empresarial volta suas atenções para a implementação de atividades aos colaboradores no ambiente de trabalho com o objetivo de prevenir problemas de saúde e resgatar a motivação

    Por: Márcio Aldecoal Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 31/01/2012 lAcessos: 143
    Rafael

    71 bilhões de reais são gastos no Brasil com acidentes e doenças do trabalho! Para mudarmos este quadro é necessário que as empresas desenvolvam atividades ligadas a qualidade de vida no trabalho. Neste artigo falo sobre algumas ideias de atividade para promover o bem estar no trabalho.

    Por: Rafaell Saúde e Bem Estar> Medicina Alternatival 16/04/2012 lAcessos: 143

    Este trabalho científico tem como proposta e principal output, apontar os benefícios em condicionar os colaboradores de uma determinada empresa, no período em que os mesmos estão em atividade de Ginástica Laboral e que desprende em média quinze minutos, a aceitarem de forma motivadora, incorporadora e construtiva, a ampliação desse período em cinco minutos para que haja orientações e informações sobre os requisitos fundamentais a respeito da Saúde e Segurança do Trabalho e suas consequências, co

    Por: Eric Ricardo Calhau de castrol Tecnologia> Segurançal 01/07/2013 lAcessos: 40
    Hilsa Flávia A Coutinho

    Este estudo teve o propósito de conhecer parte da realidade dos problemas de saúde enfrentados por trabalhadores em sua jornada profissional, sendo enfatizado a responsabilidade e papel que a empresa representa na saúde de seus funcionários.

    Por: Hilsa Flávia A Coutinhol Saúde e Bem Estarl 28/10/2011 lAcessos: 234

    A fisioterapia atua no tratamento de disfunções do trato urinário com exercícios de fortalecimento em cadeia, associado ao uso de cones vaginais para propriocepção e fortalecimento da muscultura do períneo.

    Por: Danieli Fabrícia Pereiral Saúde e Bem Estarl 21/10/2014

    Pacientes com doença crônica merecem atenção especial. SBIm oferece calendário de vacinação gratuito no site

    Por: Ricardo Machado Comunicaçãol Saúde e Bem Estarl 17/10/2014

    Sabe o que é psoríase? É uma doença de pele que exige tratamento e não tem cura. Saiba mais!

    Por: Sayuri Matsuol Saúde e Bem Estarl 15/10/2014

    Muitas doenças podem acabar por de certa forma não ter tratamento, assim como também podemos verificar que algumas infelizmente podem acabar por não ter cura, fazendo com que desta forma muitos pacientes acabem por ficar desanimados, no entanto, algumas delas podem acabar por ter um tratamento que seja considerado como adequado. Sendo assim, iremos falar agora mesmo sobre a relação da psoríase acupuntura, esta que se trata de uma doença que pode vir a incomodar diversos pacientes.

    Por: Sayuri Matsuol Saúde e Bem Estarl 15/10/2014

    A psoríase por ser uma doença pode atacar qualquer área do corpo, inclusive os pés. Saiba como verificá-la.

    Por: Sayuri Matsuol Saúde e Bem Estarl 15/10/2014

    Infertilidade é uma das piores consequências da Síndrome dos Ovários Policísticos para a paciente que deseja engravidar

    Por: CLAUDIA CHAVESl Saúde e Bem Estarl 29/09/2014
    Enf Priscila

    Na gravidez a suplementação com alimentos ricos em ferro é fundamental, já que nesse momento especial, a mulher precisa do dobro de ferro consumido normalmente. Mas há vários outros casos em que as pessoas devem ficar atentas e seguir uma dieta especial para casos de anemia. Bebês, idosos, as adolescentes e mulheres entre 19 a 50 anos, precisam consumir mais alimentos ricos em ferro. Blog Mãe Curiosa

    Por: Enf Priscilal Saúde e Bem Estarl 27/09/2014 lAcessos: 11
    Enf Priscila

    Toda mãe de primeira viagem não sabe ainda como limpar essa região do bebê tão delicada. Mas fique tranquila é super simples. Abaixo tem um passo a passo simples, te deixará mais aliviada e o umbigo logo logo cairá. Objetivo principal: sempre deixar umbigo limpo e seco! Abaixo vou lhe explicar detalhadamente como cuidar:

    Por: Enf Priscilal Saúde e Bem Estarl 26/09/2014

    TROMBOSE - Fique por dentro desse mal e saiba como evita-lo.

    Por: Revitality Ergonomia e Qualidade de Vidal Saúde e Bem Estar> Medicinal 03/09/2009 lAcessos: 603

    Comments on this article

    0
    jeferson 02/09/2010
    que legal adore no meu trabalho tirei dez
    1
    samaritana 24/09/2009
    amei este jogo parabens para quem fes
    0
    Revitality (Em resposta a Elaine) 16/09/2009
    Olá Elaine


    Entre em contato conosco no e-mail contato@revitality.com.br

    Teremos o maior prazer em atendê-la!

    Att,


    Equipe Revitality
    0
    Elaine 15/09/2009
    Boa noite,

    Meu nome é Elaine,sou estudante e estou finalizando o tecnólogo de RH neste semenstre, e o tema escolhido para o nosso TCC é de "ergonomia na construção civil", e como uma das alternativas de melhoria, estaremos propondo uma laboral para os trabalhadores realizarem antes e após a jornada de trabalho afim de buscar uma melhor qualidade de vida.
    Gostaria de saber, se vocês têm alguma proposta que poderemos sugerir, especificamente para a área de construção civil, ou alguma indicação de algum livro para podermos nos orientar, tanto em relação a ergonomia e qualidade de vida e treinamento e desenvolvimento de laboral aos trabalhadores.

    Desde já agradeço,
    Elaine
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast