O Que É Sinistralidade Em Plano De Saúde?

Publicado em: 09/09/2009 |Comentário: 5 | Acessos: 41,521 |

Algumas vezes as pessoas físicas e as empresas são surpreendidas pela operadora de plano de saúde com a informação de que seu plano de saúde esta com uma alta taxa de sinistralidade.

Mas o que é isso?

Aí alguém muito bem intencionado do outro lado do telefone, diz que seu plano esta como uma alta taxa de sinistralidade, porque esta havendo um "desequilíbrio técnico financeiro", e por isso sua apólice esta sendo reajustada em X por cento.

Entendeu?

Não, claro que não.

Bom, vamos começar de um modo simples.

Todo plano de saúde ou seguro, parte do principio do cooperativismo, ou seja; um certo numero de pessoas estão reunidas,  com o propósito de dar coberturas a sua própria saúde ou de seus dependentes, então cada uma destas pessoas contribui com um determinado valor, que somado todos os valores vai dar uma soma suficiente para cobrir os gastos de algum dos participantes que venham ter a necessidade de utilização.

A soma de gastos do grupo, não pode ser superior a 70% (setenta por cento), do total dos valores pagos pelo conjunto de participantes; quando isso acontece (gasto acima de 70%) é chamado pelo termo de desequilíbrio técnico financeiro ou sinistralidade.

Então quando você participa de uma apólice de adesão coletiva, mesmo que você ou sua família não utilizou o plano ou seguro, ele pode sofrer reajuste se o grupo que você faz parte utilizou acima do previsto.

Nos planos empresariais e PMEs (pequenas e medias empresas), isso é ainda mais visível para a operadora, pois ela fará acompanhamento mês a mês, e apurará essa analise semestralmente ou anualmente, para apresentá-la a empresa contratante do plano, e se estiver acima de 70% poderá haver reajustes.

De modo geral, atualmente as apólices de planos PMEs são colocados pelas operadoras em um grupo de apólices chamada de "Carteira de PME", ou seja, um conjunto de pequenas apólices reunidas para tentar evitar os desequilíbrios pontuais; mas quando uma destas apólices começa a ter uma sinistralidade muita alta ameaçando toda a carteira, ela será chamada para um reajuste dos valores, ou não havendo acordo o contrato pode ser cancelado pela operadora.

Partindo deste principio, se uma empresa tem em seu grupo uma ou mais pessoas com problema grave de saúde, ou propensão a isso. Deve-se evitar colocá-la nessas apólices de PME, pois fatalmente haverá problemas no futuro.

A melhor opção neste caso é um plano pessoa física, onde pela lei não permitido o reajuste por sinistralidade, pois não existe isso nas apólices individuais, e nem tão pouco o contrato pode ser cancelado, exceto por vontade do cliente ou por inadimplência.

Há muito mais sobre esse assunto, mas quero acreditar que foi um pouco esclarecedor ate aqui.

Avaliar artigo
4
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 9 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/saude-artigos/o-que-e-sinistralidade-em-plano-de-saude-1214133.html

    Palavras-chave do artigo:

    sinsitralidade

    ,

    plano de saude

    ,

    seguro saude

    Comentar sobre o artigo

    Araceli Canova

    Você já desistiu das suas resoluções de Ano Novo? Você não está sozinha. Você deve ser uma das muitas que decidiram ficar em forma esse ano e já estão dando desculpas do porque não podem ir á academia. Eu tenho a solução perfeita: Dança do Ventre.

    Por: Araceli Canoval Saúde e Bem Estarl 26/02/2015

    A psoríase é um doença de pele que causa alguns incômodos aos seus portadores. Umas das maiores dúvidas é sobre a coceira. Acesse o link e descubra a resposta!

    Por: Sayuri Matsuol Saúde e Bem Estarl 25/02/2015

    A psoríase pode afetar o couro cabeludo? Por ser uma doença de pele, ela pode se espalhar por qualquer parte do corpo. Saiba mais!

    Por: Sayuri Matsuol Saúde e Bem Estarl 25/02/2015

    Saiba como tratar a doença psoríase. Doença que se apresenta na pele e em diversas partes do corpo. Este artigo é direcionado para a psoríase dos pés, como tratar. Saiba mais!

    Por: Sayuri Matsuol Saúde e Bem Estarl 24/02/2015

    Conheça a doença de pele psoríase, presente em qualquer faixa etárias e diferentes partes do corpo. Descubra seus sintomas.

    Por: Sayuri Matsuol Saúde e Bem Estarl 24/02/2015

    Conheça a doença de pele psoríase, que pode se manisfestar em diferentes áreas do corpo humano, inclusive no cotovelo!

    Por: Sayuri Matsuol Saúde e Bem Estarl 24/02/2015

    Adultos e idosos não imunizados colaboram para retorno de doenças então controladas. Fórum em São Paulo debate o tema

    Por: Ricardo Machado Comunicaçãol Saúde e Bem Estarl 24/02/2015

    Muitos acreditam que o "Consumo Responsável" de álcool não traz riscos à saúde, e ainda defendem os efeitos protetores do consumo de vinho tinto sobre os eventos cardiovasculares. Porém, sabemos que os benefícios desse consumo não chegam a um décimo de seus riscos, a começar pelo fato de que entre os homens com idade de 15 a 59 anos, o consumo abusivo de álcool é o principal fator de risco de morte prematura.

    Por: Central Pressl Saúde e Bem Estarl 23/02/2015

    Como funciona o financiamento habitacional? Quando uma pessoa compra um imóvel, uma casa ou apartamento novo ou usado pode financiar o pagamento. Os financiamentos são realizados pelos bancos, que pagam ao vendedor do imóvel a quantia que quem compra quer financiar. A partir daí, o comprador deve pagar o banco que quitou sua dívida. Durante esse período, o imóvel fica ligado à pessoa que fez a compra, mas não pode ser negociado enquanto a dívida com o banco não é paga.

    Por: Aparicio Maximol Finanças> Créditol 29/01/2013 lAcessos: 43

    Esta é uma pergunta que sempre é feita pelo consumidor quando esta consultando os valores de planos de saúde no mercado.

    Por: Aparicio Maximol Saúde e Bem Estarl 08/09/2009 lAcessos: 231

    Como ficará o mercado de planos de saúde nos próximos anos? O que restará de opção ao consumidor? Analisando que há alguns poucos anos atrás havia uma quantidade enorme de empresas de planos de assistência medica, que em muitos casos eram verdadeiras armadilhas para seus clientes, vamos relembrar um pouco do que aconteceu.

    Por: Aparicio Maximol Saúde e Bem Estarl 05/08/2009 lAcessos: 652

    Muito já se falou em portabilidade nos planos de saúde; porem quando o assunto deixa de ter importância na mídia, ele deixa de ser veiculado, alem de que, o que aparece na mídia muitas vezes deixa mais dúvidas do que real esclarecimento. E como muitos clientes tem nos ligado a respeito deste assunto, segue abaixo alguma informações úteis, para entender como funciona.

    Por: Aparicio Maximol Saúde e Bem Estarl 27/07/2009 lAcessos: 899

    Contratar um plano de saúde não é uma tarefa das mais fáceis. Nos dias de hoje, existem muitos detalhes que, dependendo da necessidade, devem ser observados e levados em consideração. Portanto, como forma de orientar o consumidor nesta escolha, segue abaixo algumas informações que esclarecem algumas regras da Lei 9.656/98 que regula os planos privados de assistência à saúde, em vigor desde janeiro de 1999.

    Por: Aparicio Maximol Saúde e Bem Estarl 21/07/2009 lAcessos: 896

    Comments on this article

    2
    Paulo Gomes 09/10/2011
    Bacana, muito esclarecedor!
    8
    carmem 28/09/2011
    e possivel sair do plano empresarial para um plano individual pessoa fisica sem perder a carencia do plano empresarial? peço a gentileza de me informar agradeço desde ja.
    3
    clea 09/09/2010
    gostei dessa definicao tou estudando esse assunto e ele me esclareceu rapido
    0
    laila 20/07/2010
    Boa tarde.Achei o artigo muito interessante,porém fiquei com algumas duvidas nas seguintes questões: A seguradora pode me segurar no convenio caso eu não tenha interesse em continuar com o mesmo?E pode haver aumentos abusivos?E no caso do aumento eles podem me cobrar por cada consulta,exame,e uso emergencias(pronto socorro),etc...Meu convenio é empresarial.
    4
    Camila pereira 15/01/2010
    Eu achei o site muito interesante, ele proporciona diversas utilizações..
    e eu adorei...
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast