Tabagismo - O consumo de tabaco constitui um dos principais problemas de saúde pública

Publicado em: 15/07/2010 |Comentário: 0 | Acessos: 679 |

Caracterização a situação

 

O consumo de tabaco constitui um dos principais problemas de saúde pública, sendo uma das principais causas de mortalidade e morbilidade, pelo que é considerado uma epidemia global.

O hábito de fumar é geralmente adquirido durante a adolescência, sendo as causas, maioritariamente, sociais.

O fumo do tabaco contém várias substâncias, incluindo a nicotina. A nicotina inalada do fumo do tabaco é rapidamente absorvida pelo aparelho respiratório, mucosa bocal e pele, apresentando uma elevada concentração no cérebro, estômago, rins e fígado.

Acções da nicotina:

  • Aumento da pressão arterial
  • Aumento do consumo de O2 pelo miocárdio
  • Aumento da coagulação sanguínea e da agregação plaquetária
  • Aumento da motilidade e da secreção de sucos gástricos
  • Estimulação respiratória
  • Estimulação marcada do Sistema Nervoso Central (SNC)
  • Indução de arritmias
  • Vasoconstrição das artérias coronárias

 

Os efeitos que a nicotina produz no cérebro são, temporariamente, agradáveis e são eles que levam ao uso continuado do tabaco. Cinco a oito segundos após o início do acto de fumar, a nicotina mimetiza os efeitos da aceticolina, libertando-se narodrenanila e dopamina. Estas substancias produzem sensação de bem estar, causando uma estimulação inicial, seguida de uma sensação d calma. O individuo desenvolve tolerância à sensação de calma, o que leva a fumar cada vez mais.

Para além dos efeitos da nicotina e das outras substâncias que constituem o fumo do tabaco (responsáveis pelas doenças associadas) o tabagismo é ainda responsável por uma voz mais grave nas mulheres, pela tosse característica dos fumadores, pelo envelhecimento precoce da pele, por cáries e por uma maior susceptibilidade a infecções respiratórias. Mais ainda, os fumadores podem sofrer de halitose e apresentam, frequentemente, mau odor na roupa e cabelo.

Consequências do tabagismo:

  • Doenças do aparelho respiratório
  • Doenças cardiovasculares
  • Doenças gastrintestinais
  • Cancro

 

O consumo de tabaco durante a gravidez aumenta o risco de sofrer um aborto espontâneo e de parto prematuro. O recém-nascido pode apresentar baixo peso a nascença e malformações congénitas.

A dependência resulta da vulnerabilidade física do organismo à nicotina, que é potencialmente aditiva quando disponibilizada nos fumadores descontinuam a sua inalação. Dado que, durante o processo de adição, os receptores de aceticolina aumentam, nas tentativas para deixar de fumar, a actividade acetilcolina aumenta de forma pronuciada, causando irritabilidade. O síndrome de privação da nicotina varia de individuo para individuo e tem um inicio rápido (24-48h) durante semanas ou meses.

Sinais de dependência:

  • Tentativas sucessivas falhadas para deixar de fumar
  • Sintomas marcados de privação, ao deixar de fumar
  • Não conseguir deixar de fumar, apesar de já ter problemas de saúde relacionados
  • Preferir o tabaco a actividades sociais

Sintomas de privação:

  • Tensão nervosa
  • Irritabilidade
  • Dificuldade de concentração
  • Pressão arterial elevada
  • Bradicardia
  • Diminuição da capacidade de reacção
  • Depressão

 

Importante

O consumo de tabaco ou de outras fontes de nicotina deve ser completamente eliminado durante a terapêutica de substituição nicotínica, pois pode levar a níveis tóxicos de nicotina no organismo.

A dose de nicotina deve ser progressivamente diminuída até se parar o tratamento numa dose mínima.

 

Terapêutica não farmacológica/prevenção

Existem algumas recomendações da Direcção Geral da Saúde que podem ser dadas aos indivíduos fumadores para apoiar a cessação tabágica:

  • Anunciar aos familiares e amigos a decisão de deixar de fumar
  • Marcar uma data para deixar de fumar
  • Evitar as circunstâncias e situações em que habitualmente fumava
  • Fazer uma alimentação saudável
  • Pôr de parte dinheiro que iria gastar com a compra do tabaco, para confirmar o que poupa com o abandono do tabagismo

 

A prevenção, na farmácia, pode se feita a vários níveis:

  • Reforço da abstinência tabágica a todos os utentes
  • Informação sobre as consequências do tabagismo a todos os utentes
  • Identificação dos fumadores (principalmente de grupos de risco) e aconselhamento sobre cessação tabágica
  • Acompanhamento de fumadores em processo de cessação tabágica, por forma a prevenir eventuais recaídas.

 

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 1 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/saude-artigos/tabagismo-o-consumo-de-tabaco-constitui-um-dos-principais-problemas-de-saude-publica-2838177.html

    Palavras-chave do artigo:

    tabagismo

    ,

    saude publica

    ,

    consumos tabaco

    Comentar sobre o artigo

    André Leandro

    Neste artigo fica claro compreender que o tabagismo é um vício perigoso para todos, fumantes e não fumantes. Hábito prejudicial à saúde que deve ser combatido.

    Por: André Leandrol Saúde e Bem Estarl 12/07/2011 lAcessos: 243 lComentário: 1

    O presente artigo analisa através de estudos bibliográficos a discussão sobre o consumo abusivo do álcool, a influência entre os adolescentes e suas consequências psicossociais. Trata-se de panorama de publicações nacionais com corte cronológico de dez anos (2003-2013) de caráter qualitativo, de artigos publicados em revistas, feita por meio de consultas as bases de dados e sistemas de busca virtuais. O alcoolismo é uma questão de saúde pública; causa desestrutura familiar, ás vezes irreversível

    Por: Iago Batista dos Santosl Lar e Família> Adolescentesl 01/09/2014 lAcessos: 17

    A Organização Mundial de Saúde adverte: fumar é a principal causa de morte evitável do mundo. E não é para menos, qualquer estudante de medicina quando começa a estudar os mecanismos das doenças adquiridas vê que o tabagismo está entre as causas. Os gastos com saúde pública em decorrência destas doenças continuam altos.

    Por: Solangel Saúde e Bem Estar> Medicinal 25/07/2013 lAcessos: 61
    Anderson Domingos

    Na alvorada do terceiro milênio, emerge com força total um novo paradigma na abordagem do tratamento e na prevenção do alcoolismo e outras dependências, qual seja a estratégia de redução de danos e de comportamentos de alto risco dos transtornos relacionados ao álcool, ao tabaco e às drogas.

    Por: Anderson Domingosl Saúde e Bem Estar> Medicinal 30/05/2011 lAcessos: 144

    No mundo todo, três milhões de pessoas por ano -seis por minuto- morem por causa do fumo, segundo o livro Mortality From Smoking in Developed Countries 1950-2000, publicado em conjunto pelo Fundo Imperial de Pesquisas do Câncer, da Grã-Bretanha, pela OMS(Organização mundial de Saúde) e pela Sociedade Americana do Câncer.

    Por: Carlos Rommelll Saúde e Bem Estar> Medicinal 25/09/2012 lAcessos: 42

    O autor apresenta a revisão da literatura referente às alternativas de tratamento cirúrgicas e não-cirúrgicas para o ronco e apneia obstrutiva do sono com enfoque nos aparelhos bucais de avanço mandibular.

    Por: Dr. Fausto Itol Saúde e Bem Estarl 22/04/2009 lAcessos: 8,856 lComentário: 3
    André Reis

    Este trabalho tem, por finalidade, a exposição de pensamentos contrários à descriminalização de maconha. Igualmente esclarece que o momento atual, em plena campanha contra o tabagismo e o álcool, não é oportuno para essa discussão e como a liberação de drogas ilícitas afetaria, de maneira negativa, o povo brasileiro. Finalmente, indica questões prioritárias e emergenciais para o Brasil.

    Por: André Reisl Notícias & Sociedadel 18/12/2009 lAcessos: 321 lComentário: 1
    Elizeu Vieira Moreira

    O conteúdo da Lei nº 155, de 10 de janeiro de 2005, da Câmara Municipal de Manaus, disciplina o horário de funcionamento de bares e similares no Município de Manaus. Em seu art. 1 a lei dispõe expressamente, e de maneira simples, que "fica determinado que todos os bares e similares do Município de Manaus deverão observar, a partir da data de publicação desta Lei, o horário de funcionamento entre as 6 h e 23 h, devendo o mencionado horário para este tipo de ...

    Por: Elizeu Vieira Moreiral Educaçãol 16/06/2012 lAcessos: 51

    A fisioterapia atua no tratamento de disfunções do trato urinário com exercícios de fortalecimento em cadeia, associado ao uso de cones vaginais para propriocepção e fortalecimento da muscultura do períneo.

    Por: Danieli Fabrícia Pereiral Saúde e Bem Estarl 21/10/2014

    Pacientes com doença crônica merecem atenção especial. SBIm oferece calendário de vacinação gratuito no site

    Por: Ricardo Machado Comunicaçãol Saúde e Bem Estarl 17/10/2014

    É possível que muitas pessoas já tenham ouvido falar sobre esta doença, no entanto, também acaba por ser possível que muitas pessoas simplesmente não tenham conhecimento do que esta se trata. Sendo assim, iremos falar agora mesmo um pouco sobre o que seria a doença psoríase, quais os sintomas entre outras informações importantes para os pacientes ou até mesmo para os curiosos.

    Por: Sayuri Matsuol Saúde e Bem Estarl 16/10/2014

    Sabe o que é psoríase? É uma doença de pele que exige tratamento e não tem cura. Saiba mais!

    Por: Sayuri Matsuol Saúde e Bem Estarl 15/10/2014

    Muitas doenças podem acabar por de certa forma não ter tratamento, assim como também podemos verificar que algumas infelizmente podem acabar por não ter cura, fazendo com que desta forma muitos pacientes acabem por ficar desanimados, no entanto, algumas delas podem acabar por ter um tratamento que seja considerado como adequado. Sendo assim, iremos falar agora mesmo sobre a relação da psoríase acupuntura, esta que se trata de uma doença que pode vir a incomodar diversos pacientes.

    Por: Sayuri Matsuol Saúde e Bem Estarl 15/10/2014

    A psoríase por ser uma doença pode atacar qualquer área do corpo, inclusive os pés. Saiba como verificá-la.

    Por: Sayuri Matsuol Saúde e Bem Estarl 15/10/2014

    Infertilidade é uma das piores consequências da Síndrome dos Ovários Policísticos para a paciente que deseja engravidar

    Por: CLAUDIA CHAVESl Saúde e Bem Estarl 29/09/2014
    Enf Priscila

    Na gravidez a suplementação com alimentos ricos em ferro é fundamental, já que nesse momento especial, a mulher precisa do dobro de ferro consumido normalmente. Mas há vários outros casos em que as pessoas devem ficar atentas e seguir uma dieta especial para casos de anemia. Bebês, idosos, as adolescentes e mulheres entre 19 a 50 anos, precisam consumir mais alimentos ricos em ferro. Blog Mãe Curiosa

    Por: Enf Priscilal Saúde e Bem Estarl 27/09/2014 lAcessos: 11

    O eritema da fralda ou dermatite da fralda é mais conhecido como "rabinho assado". E não há pais ou cuidadores de bebés que não saibam o que é esta inflamação da pele que pode alarmar pelo aspecto mas que, na maioria das vezes, é facilmente resolvida em casa.

    Por: Ruil Saúde e Bem Estarl 22/05/2013 lAcessos: 25

    Branco, negro, de leite, em bombons, em pó, em doces. o chocolate, nas suas mais diversas formas, é, desde há muito, um dos alimentos preferidos das crianças e dos adultos. Mas afinal quais são os benefícios e malefícios do chocolate?

    Por: Ruil Saúde e Bem Estar> Nutriçãol 30/03/2013

    Ter dificuldade em engolir alimentos pode acontecer a qualquer pessoa em qualquer altura, mas há situações em que pode significar um problema médico mais sério, a necessitar de tratamento. porque, em casos extremos, pode causar desidratação, malnutrição e até interferir com a respiração.

    Por: Ruil Saúde e Bem Estar> Nutriçãol 27/02/2013 lAcessos: 22

    A pele é o órgão do corpo humano mais exposto aos elementos do meio ambiente e, por isso, é necessário mantê-la saudável. no Inverno, hidratar é a palavra de ordem.

    Por: Ruil Beleza> Cosméticosl 22/02/2013 lAcessos: 31

    São tão frequentes as pausas na respiração de quem sofre de apneia do sono que é como se dormisse a conta-gotas. E o resultado é cansaço e sonolência diurna, causa de muitos acidentes de viação. "Não sei o que aconteceu, adormeci".

    Por: Ruil Saúde e Bem Estarl 05/02/2013 lAcessos: 35

    Os anos as doenças respiratórias deixam muitos e muitos portugueses em casa e enchem as urgências hospitalares: vírus e outros agentes infecciosos circulam à boleia do Inverno, aproveitando-se do frio, mas também da poluição e de fumos como o do tabaco.

    Por: Ruil Saúde e Bem Estarl 05/02/2013 lAcessos: 28

    Perder cabelo é natural, e há alturas do ano em que há mais probabilidade de cair: assim é no outono. Mas esta queda é temporária e, além disso, há cuidados que podem ajudar a fortalecer o seu cabelo.

    Por: Ruil Beleza> Cabelosl 05/02/2013 lAcessos: 42

    Tratar as infecções das unhas exige tempo e paciência, pelo que o melhor é prevenir, mantendo as unhas a salvo.

    Por: Ruil Saúde e Bem Estarl 05/02/2013 lAcessos: 132
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast