Casa De Madeira

15/12/2008 • Por • 16,156 Acessos

Minha casa de madeira

Quando fui construir minha primeira moradia, percebi que ia ter problemas. E vários por assim dizer; os econômicos, os de tempo e os da relação com profissionais da área. Na verdade o que pesou mais foi a relação que teria que ter com pedreiros, eletricistas, pintores, encanadores, etc e tal.

Assim resolvi fazer uma casa de madeira pré-fabricada. Nem pensei duas vezes. Fiz uma pesquisa de preços e depois de um monte de ajustes na planta...minha casa ficou pronta. Entretanto, para que isso acontecesse foi preciso eu mudar de cidade e ir morar um tempo no centro-oeste. E, minha casa que ficava no estado de Santa Catarina, teve que ser alugada, pois, eu não podia deixar fechada.

Na verdade foram oito anos de aluguel e neste ano de 2008 voltei para casa. Estou reformando a casa e muitas coisas tive que aprender morando em uma casa de madeira. Por exemplo, eu adoro quadros nas paredes, tenho uma porção deles dentro das caixas, pois, não posso ficar furando as tábuas, porque não há nada mais horroroso do que furos nas paredes. E numa casa de madeira esses furos são para sempre. Numa casa de alvenaria tem conserto, podemos fazer um reboco novo, colocar massa corrida, etc. Na casa de madeira se fizer um furo não tem massa que dê jeito.

A instalação hidráulica é toda vinda do solo – detalhe minha casa tem piso de cerâmica- tudo vem de baixo. Um único problema que vejo é a pouca vasão da água ou melhor força da água, mas não tem nada que não funcione. Eletricidade é tranqüila vem tudo por dentro e por cima, corre ao lado das vigas cobertas por ripas chanfradas que as escondem perfeitamente.

Hoje em dia tudo pode ser resolvido, e eu achei uma forma de resolver o problema de instalar armários embutidos na minha casa de madeira. Sempre tive o sonho de ter uma cozinha bonita e com móveis embutidos, daí minha casa tem uma micro cozinha, tive que chamar uma loja de moveis pré-fabricados e fazer um projeto específico para meu espaço minúsculo e usar os móveis que eu já tinha. E alẽm de tudo não podia fazer muitos furos na paredes originais. A solução foi fazer um móvel todo conjugado e preso a um suporte adaptado por pressão em dois ponto fixos numa das extremidades. Isso feito aprovei o projeto e hoje tenho uma cozinha fofa e muito prática.

A compra dos moveis foi um pouco problemática. Como resolvemos deixar as paredes em cor madeira e só pintar com tinta acrílica incolor, a casa ficou um pouco escura. Então tínhamos que abrir os espaços com cores claras e fazer uma boa iluminação. Partimos para móveis em maple e tons de bege e branco. Sala com tons bege e lâmpadas fluorescentes mais potentes. Quarto com tons brancos e maple, combinando com a cerâmica amarelo palha do piso.

A pintura externa em tinta, ficou decidido por necessitar de uma proteção maior em relação ao sol e a humidade, assim escolhemos uma cor clara em contraste com as aberturas em cor mais forte. A tinta acrílica com brilho nos foi indicada como a ideal, por não perder muito os pigmentos e por fazer uma película impermeabilizante, mais eficaz do que a tinta acrílica acetinada fosca. Casa pintada e bonita, resolvemos trocar as telhas. O que tinha antes estava com musgos, fungos e aspecto de desleixo. Isso fazia com que a casa ficasse mais escondida. Resolvemos colocar telhas esmaltadas ou vitrificada, As vitrificadas foram descartadas no início, porque, além do alto preço desse material, ficamos sabendo que essas telhas rachavam devido ao clima inconstante no local onde moramos. Depois de pesquisar e pedir conselhos a diversos especialistas, compramos telhas americanas com pintura poliéster. Escolhemos cor clara para ajudar na beleza externa. Pintamos o muro em outro ton de verde diferente da casa o que fez um conjunto bem suave e tons relaxantes.

Nossa casa tem um jardim que contorna todo lado esquerdo do terreno, quando chegamos o mato media mais ou menos oitenta centímetros de altura, era uma visão tenebrosa de abandono e desprezo do antigo morador. Contratamos um jardineiro que arrumou tudo em 8 horas de trabalho, capinou, retirou o lixo, podou as plantas que resistiam ao descaso, enterrou as sobras e fizemos uma composteira. Logo teremos adubo do bom para nossas plantinhas.

Uma casa de madeira precisa de certos cuidados com umidade e sujeira. Está nos faltando instalar uma proteção para as bordas da casa no piso onde se encontra parede externa e jardim Pode ser brita ou pedras que evitem o crescimento de plantas que escondam insetos e plantinhas, pois estas danificam as construções com suas raízes e galhos. Outra coisa são as calhas que evitam que os pingos da chuva fiquem escorrendo pela parede e adentrem nos espaços entre a parte de concreto e a parte em madeira. Isso pode gerar apodrecimentos.

A manutenção é igual em ambas as construções, sempre tem que observar o que está precisando ajustar, se o sistema elétrico funciona normalmente. Limpar as caixas de água de 6 em e meses. Fazer controle dos insetos visitantes por meios naturais. Lavar externamente uma vez a cada ano.

Enfim viver normalmente e ser feliz.

Perfil do Autor

Martha Batista de Lima

sou como estou, estou como sou, quero crescer e ser.