SAP adota soluções de infraestrutura da Panduit e Emerson Network Power

23/07/2010 • Por • 4,603 Acessos

Oficialmente inaugurado em junho de 2009 em São Leopoldo (RS), dentro do campus da Unisinos, o SAP Labs Brasil, projetado para concentrar o desenvolvimento de aplicativos e serviços de suporte da SAP para as Américas, é o primeiro Centro de Serviços da companhia na América Latina e também o primeiro prédio 100% sustentável da região.

"O escritório do SAP Labs Brasil foi concebido para ser mais do que apenas concreto e vidro. Quando planejamos o projeto, o objetivo foi criar um espaço que atraísse os melhores talentos, motivando-os e retendo-os, e ao mesmo tempo minimizando nosso impacto ao meio ambiente. Desde o início seguindo o Leadership in Energy and Environmental Design (LEED) Gold, aumentamos mais a abrangência já que o LEED é também focado em criar um espaço positivo de trabalho e, simultaneamente, reduzindo o consumo de energia e água. Por outro lado, a infraestrutura de TI fornece a base para o trabalho da SAP. Em conjunto com o conceito de Green Building, a fundação de TI precisa contribuir de forma eficiente e confiável com os nossos objetivos de TI verde. Para atingir isso, nós trabalhamos com a Panduit e a Emerson como parceiros", declarou Erwin Rezelman, Presidente do SAP Labs Brasil.

Com investimento acima de R$ 40 milhões, o novo prédio atende totalmente ao padrão Green Building, sendo utilizados para o projeto materiais recicláveis, certificados e com baixas taxas de emissão de carbono, além do consumo inteligente de água, ar e energia. A preocupação com a sustentabilidade, qualidade, segurança e economia também se estendeu à infraestrutura física do edifício. A Panduit e a Emerson, com suas soluções "verdes", formam parte do time de fornecedores que ajudaram o SAP Labs a conseguir essa certificação ambiental.

Para a rede de computadores e telefonia dos quatro andares do prédio foram utilizadas soluções de cabeamento Panduit na Categoria 6, permitindo transmissões de dados a 1Gbps. "A infraestrutura de rede projetada e instalada para suportar os serviços de telefonia está preparada para receber também transmissões de telefonia IP, pois utiliza cabeamento Categoria 6, possibilitando, dessa forma, a transmissão de dados, voz e vídeo a uma largura de banda de alta disponibilidade", explica Alex Bergamaschine, Territory Account Manager da Panduit.

No total, o projeto de cabeamento resultou em 1550 pontos em Categoria 6, com todos os pontos das áreas de trabalho terminados em patch panel angular Panduit nas Salas de Telecom que operam a telefonia nos andares do edifício. E, através de uma rota redundante para permitir adição de novas conexões de forma rápida e segura, cada andar foi ainda interligado com fibra óptica terminada em DIOs dentro dos racks instalados nas Salas de Telecom. Os racks utilizados para os switches Cisco são de modelo fechado CN1, também da Panduit.

Já o Data Center, localizado no subsolo, consumiu mais 150 pontos de cabeamento Panduit na Categoria 6A, o que possibilita o tráfego de dados em velocidade a 10Gbps, atendendo, assim, as altas taxas de transmissão requeridas por equipamentos de rede como servidores e switches core.

"Esse data center conta, ainda, com um sistema de ar condicionado de precisão da Emerson Network Power, composto de dois condicionadores de ar do tipo self contained de alta precisão, expansão direta, sendo cada um deles com  uma unidade evaporadora e outra condensadora. As unidades condicionadoras da marca Liebert - modelo S17 – possuem capacidade nominal de 5 TR cada uma e o controle de temperatura é feito pelo sistema de automação da unidade evaporadora integrado ao sistema de automação predial", informa Gilson Galera, diretor da Ifortix, instaladora autorizada tanto da Panduit categoria Silver como da Emerson Network Power, e responsável pela implementação da infraestrutura do data Center em São Leopoldo.

Segundo ele, a missão do SAP Labs  envolve o atendimento a clientes em todo o mundo, com diferentes fusos horários e operação por 24 horas. "O sistema de ar condicionado de precisão adotado no data center, diferentemente dos chamados ar condicionados de conforto, é projetado com características mecânicas de robustez e automação para funcionamento ininterrupto em ambientes, onde  pouca ou nenhuma presença humana é necessária.

Prevendo a evolução do SAP Labs para mais um prédio com semelhantes especificações, o projeto de cabeamento com soluções Panduit prevê a expansão do data center utilizando a mesma arquitetura de racks  e cabeamento CAT6A que proporciona  o desempenho máximo atualmente disponível. No cabeamento predial com CAT6 foram também adotados os novos padrões internos internacionais da SAP quanto a diferentes cores de tomadas e patch cords  distinguindo  dados, telefonia, impressoras e sistemas viva-voz, e facilitando aos usuários conectar-se às diversas  facilidades."

Centro Comercial SAP em São Paulo

As soluções Panduit também foram utilizadas no Centro Comercial da SAP em São Paulo, instalado em um dos edifícios do Rochaverá Corporate Towers, inaugurado em 2008. Nos dois andares que compreendem a parte comercial da empresa foram implementados 2 mil pontos de cabeamento Categoria 6 e uma solução de patch panel angular, que torna possível o aumento do número de pontos instalados nos racks.

No andar que opera o data center foram usados 500 pontos de cabeamento Categoria 6A, o que fornece uma elevada velocidade de transmissão (de até 10 Gbps). Foram também utilizados patch panels angulares para aumentar a densidade e economizar espaço, e o rack fechado Net-Access da Panduit com gerenciamento térmico. Além do cabling, foi realizado o aterramento de telecomunicações para proteger o equipamento e pessoas, e tornar as instalações mais confiáveis, e um link óptico que associa o data center aos racks dos andares corporativos, tornando a conexão ainda mais rápida.

Para Fernando Winarski, CIO da SAP Brasil, a parceria estabelecida entre a empresa e a Panduit foi fundamental para o sucesso do projeto. "Tanto em nossa sede em São Paulo quando no edifício do SAP Labs localizado em São Leopoldo, buscávamos um parceiro que atendesse aos nossos padrões de excelência em serviços. O trabalho desenvolvido pela Panduit atendeu a todos os nossos requisitos e, como resultado, operamos uma rede totalmente preparada para nossas operações", finaliza o executivo.