Meio Ambiente E Sustentabilidade Como Elemento De Marketing E Progresso Para As Empresas

Publicado em: 14/12/2008 |Comentário: 1 | Acessos: 2,849 |

Desperdiçar menos, reduzir o que consumimos, reciclar o que dispensamos, reaproveitar. Mais do que intenções, apenas atitudes conscientes são capazes de mudar o mundo. Que tal começar agora mesmo?


Por volta dos anos de 1990, um termo começou a ser muito mais freqüente na mídia e em todas as conversas sobre os problemas ambientais que começavam a ser muito mais seriamente sentidos em toda parte do planeta. Assim, a sustentabilidade ambiental começa a ser debatida com maior freqüência por cientistas e pessoas ligadas à preservação do meio ambiente e que percebem que o atual ritmo de degradação e consumo dos recursos ambientais acabará tornando inviável a permanência do homem sobre a face do planeta.


Com a criação de fóruns e a ampliação do debate, começa a surgir à figura do consumidor verde. Um grupo de pessoas que, mesmo não integrando essas entidades; pode perceber a importância de estabelecerem-se regras para um consumo mais responsável e sustentável. Dentro de uma doutrina quase voluntária, os consumidores verdes começam a influenciar a forma como as grandes empresas de setores historicamente poluentes fabricam e encaram a venda de seus produtos. Ações capazes de diminuir ou igualar os impactos ambientais causados pela produção desses produtos começam a ser exigidas por essa nova “onda” de consumidores conscientes como forma de justificar a venda e a compra desses produtos. Ficar ”de fora” representa estar “ao lado do mal”; e pode também significar perda desse mercado formado, em sua grande maioria, por pessoas de bom poder aquisitivo. Desta forma, o “consumo verde” acaba agindo como um organismo independente e não ligado a nenhuma entidade governamental; regulando o mercado.


Contudo, apesar de representar um começo, essa regulamentação do mercado feita pelo indivíduo e pelo “consumo verde”, não é capaz de reverter o processo de degradação e de dilapidação acelerada dos recursos naturais do planeta. Só ações em grande escala, bancadas por governos ou por entidades internacionais é que serão capazes de frear de forma consistente o atual ritmo da degradação ambiental que experimentamos hoje. Garantir a tão sonhada sustentabilidade hoje, passa pela soma de ações individuais e globais, tanto de pessoas engajadas em movimentos conservacionistas quanto na implementação de políticas internacionais para a criação da consciência ambiental em empresas e nas nações da terra.


Desta forma, temos na política de consumo sustentável e responsável uma forma efetiva de criação da consciência ambiental em empresas e como fonte de pressão constante para políticos e governantes em geral. Atuando como uma base importante na criação de normas cada vez mais rígidas que permitam a punição de abusos e a demarcação clara de limites e parâmetros a serem seguidos na exploração de recursos naturais. E nisso consiste o principal desafio para garantir a sustentabilidade ambiental. Pois mudar a visão governamental e garantir a implementação dessas políticas que possibilitarão a redução de forma objetiva dos abusos e das ameaças a aplicação da sustentabilidade ambiental; é uma tarefa lenta e trabalhosa. Que deve vencer a resistência de inúmeros setores produtivos e de políticos que os representam.


Formar esse novo paradigma e essa nova consciência e o desafio a ser vencido pelas gerações atuais e pelas próximas. Sem que o sucesso chegue para coroar essa meta ambiciosa, o prognóstico para a vida em nosso planeta é ameaçador.


“Se cada empresa focar em pequenas ações, estaremos ajudando não somente a humanidade, mas educando a comunidade, colaboradores e fazendo com que a defesa do meio ambiente se torne algo natural e incorporado no dia a dia das companhias” diz JOHN KAWESKE.

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 3 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/vendas-artigos/meio-ambiente-e-sustentabilidade-como-elemento-de-marketing-e-progresso-para-as-empresas-683009.html

    Palavras-chave do artigo:

    marketing

    ,

    sustentabilidade

    ,

    john kaweske

    Comentar sobre o artigo

    Portais Imobiliarios

    O comediante Roberto Gómez Bolaños faleceu, mas o super-herói Chapolin Colorado é eterno e deixa muitas lições para você, corretor de imóveis. Antes de realizar algum feito, o Chapolin solta uma de suas pérolas: "Sigam-me os bons!". O herói trapalhão não quer a companhia de pessoas negativas, que os desmotivem. O corretor de imóveis também deve avaliar seus companheiros no trabalho. Seja cordial com todos, mas não estreite vínculos com os pessimistas. Manter-se motivado é fundamental para o suce

    Por: Portais Imobiliariosl Negócios> Vendasl 20/01/2015

    Acompanhando a onda das previsões que sempre aparecem nesta época, vamos olhar para frente e procurar entender o que os próximos anos irão exigir dos profissionais de vendas. Larry Wilson, autor e coautor de livros importantes na área de vendas, menciona que "a revolução dos negócios está varrendo muitas das formas tradicionais de interagir com clientes. Se não abraçarmos o futuro, seremos deixados para trás".

    Por: Flávia Ghiurghil Negócios> Vendasl 13/01/2015
    Portais Imobiliarios

    Durante um período curto da minha vida, atuei como consultor de vendas em uma empresa de telefonia móvel. Minha atividade era visitar as empresas e vender diferentes tipos de planos empresariais. No início, o ânimo era total, porém, com o passar dos dias, percebi que a maioria dos empresários não tinha o menor interesse na minha visita.

    Por: Portais Imobiliariosl Negócios> Vendasl 13/01/2015

    Existe uma grande diferença entre vendedores medianos e vendedores de sucesso, os vendedores de sucesso simplesmente não entram em campo para cumprir tabela mais sim para vencer. A principal dificuldade é sair da zona de conforto e entrar em ação com um objetivo claro para alcançar o sucesso ! "Vencedores não entram em campo para cumprir tabela, vencedores entram em campo para vencer"

    Por: Everton Farial Negócios> Vendasl 10/01/2015 lAcessos: 11

    O artigo dar dicas de como vender o imóvel mais rápido, métodos a serem tomados para conseguir vender.

    Por: villevoxl Negócios> Vendasl 09/01/2015
    Jair Pedro de Bem

    Vários são os fatores para se obter sucesso em nossos projetos, Eu como qualquer outra pessoa tenho meus sonhos, e resolvi agora depois levar muitas lambadas na vida verificar, por que tanta dificuldades, Por que de tantas tentativas sem êxito, então comecei a me inspirar nos caras que são exemplo para nós em suas áreas de atuação e encontrei na história de Bernardinho, o treinador de vôlei várias vezes campeão mundia,l como técnico da seleção , respostas na área de trabalho em equipe.

    Por: Jair Pedro de Beml Negócios> Vendasl 04/01/2015
    Portais Imobiliarios

    No período do ‘boom' imobiliário, o corretor conseguia vender imóveis apenas com um pouco de esforço. A falsa impressão de dinheiro fácil atraiu muitas pessoas para o setor, porém, hoje a realidade é outra. O mercado se estabilizou e só os corretores capacitados conseguem atingir seus objetivos na profissão.

    Por: Portais Imobiliariosl Negócios> Vendasl 02/01/2015
    Portais Imobiliarios

    O ator milionário fez a alegria de alguns corretores pelo mundo, pois chegou a ter 15 imóveis de luxo diferentes apenas para o uso pessoal. Em 2006, comprou uma ilha de 160 metros quadrados nas Bahamas. Também comprou dois castelos medievais; um no Reino Unido e outro na Alemanha. Porém, infelizmente para o artista, suas aventuras no mercado imobiliário corroeram sua fortuna, aparentemente infinita.

    Por: Portais Imobiliariosl Negócios> Vendasl 23/12/2014 lAcessos: 12

    O biodiesel é feito dos recursos renováveis sustentáveis que estão abundantes e disponíveis aqui em Brasil. É feito dos óleos de planta, das gorduras animais e mesmo da óleo de cozinha e funciona nos motores diesel convencionais, com uma exceção principal - o biodiesel reduz significativamente emissões prejudiciais.

    Por: John Kaweskel Notícias & Sociedade> Meio Ambientel 01/04/2009 lAcessos: 1,710

    Comments on this article

    0
    monstrim 27/10/2010
    umA MERDA!!
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast