Meio Ambiente E Sustentabilidade Como Elemento De Marketing E Progresso Para As Empresas

Publicado em: 14/12/2008 |Comentário: 1 | Acessos: 2,855 |

Desperdiçar menos, reduzir o que consumimos, reciclar o que dispensamos, reaproveitar. Mais do que intenções, apenas atitudes conscientes são capazes de mudar o mundo. Que tal começar agora mesmo?


Por volta dos anos de 1990, um termo começou a ser muito mais freqüente na mídia e em todas as conversas sobre os problemas ambientais que começavam a ser muito mais seriamente sentidos em toda parte do planeta. Assim, a sustentabilidade ambiental começa a ser debatida com maior freqüência por cientistas e pessoas ligadas à preservação do meio ambiente e que percebem que o atual ritmo de degradação e consumo dos recursos ambientais acabará tornando inviável a permanência do homem sobre a face do planeta.


Com a criação de fóruns e a ampliação do debate, começa a surgir à figura do consumidor verde. Um grupo de pessoas que, mesmo não integrando essas entidades; pode perceber a importância de estabelecerem-se regras para um consumo mais responsável e sustentável. Dentro de uma doutrina quase voluntária, os consumidores verdes começam a influenciar a forma como as grandes empresas de setores historicamente poluentes fabricam e encaram a venda de seus produtos. Ações capazes de diminuir ou igualar os impactos ambientais causados pela produção desses produtos começam a ser exigidas por essa nova “onda” de consumidores conscientes como forma de justificar a venda e a compra desses produtos. Ficar ”de fora” representa estar “ao lado do mal”; e pode também significar perda desse mercado formado, em sua grande maioria, por pessoas de bom poder aquisitivo. Desta forma, o “consumo verde” acaba agindo como um organismo independente e não ligado a nenhuma entidade governamental; regulando o mercado.


Contudo, apesar de representar um começo, essa regulamentação do mercado feita pelo indivíduo e pelo “consumo verde”, não é capaz de reverter o processo de degradação e de dilapidação acelerada dos recursos naturais do planeta. Só ações em grande escala, bancadas por governos ou por entidades internacionais é que serão capazes de frear de forma consistente o atual ritmo da degradação ambiental que experimentamos hoje. Garantir a tão sonhada sustentabilidade hoje, passa pela soma de ações individuais e globais, tanto de pessoas engajadas em movimentos conservacionistas quanto na implementação de políticas internacionais para a criação da consciência ambiental em empresas e nas nações da terra.


Desta forma, temos na política de consumo sustentável e responsável uma forma efetiva de criação da consciência ambiental em empresas e como fonte de pressão constante para políticos e governantes em geral. Atuando como uma base importante na criação de normas cada vez mais rígidas que permitam a punição de abusos e a demarcação clara de limites e parâmetros a serem seguidos na exploração de recursos naturais. E nisso consiste o principal desafio para garantir a sustentabilidade ambiental. Pois mudar a visão governamental e garantir a implementação dessas políticas que possibilitarão a redução de forma objetiva dos abusos e das ameaças a aplicação da sustentabilidade ambiental; é uma tarefa lenta e trabalhosa. Que deve vencer a resistência de inúmeros setores produtivos e de políticos que os representam.


Formar esse novo paradigma e essa nova consciência e o desafio a ser vencido pelas gerações atuais e pelas próximas. Sem que o sucesso chegue para coroar essa meta ambiciosa, o prognóstico para a vida em nosso planeta é ameaçador.


“Se cada empresa focar em pequenas ações, estaremos ajudando não somente a humanidade, mas educando a comunidade, colaboradores e fazendo com que a defesa do meio ambiente se torne algo natural e incorporado no dia a dia das companhias” diz JOHN KAWESKE.

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 3 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/vendas-artigos/meio-ambiente-e-sustentabilidade-como-elemento-de-marketing-e-progresso-para-as-empresas-683009.html

    Palavras-chave do artigo:

    marketing

    ,

    sustentabilidade

    ,

    john kaweske

    Comentar sobre o artigo

    Edjasto Ferreira

    Você deve estar curioso em saber por que este artigo tem o titulo "Muito além das vendas". Antes de sanar sua curiosidade, tenho algumas perguntas.

    Por: Edjasto Ferreiral Negócios> Vendasl 09/03/2015
    RONALDO VAZ

    SACADAS GENIAL, SIMPLES E EFICIENTE... Se se você é vendedor, Não deixe de ler esse texto. Nesse texto, o psicólogo Ronaldo Vaz expõe o resultado de um estudo sobre a PSICOLOGIA DO CONSUMIDOR. É uma verdadeira aula de VENDAS. Conheça a melhor técnica de vendas que existe.

    Por: RONALDO VAZl Negócios> Vendasl 08/03/2015 lAcessos: 15
    michelly bonifacio

    Você sabe, nem sempre um alto índice de visitas em uma loja virtual significa necessariamente um alto índice de vendas. Mas, o que fazer então para aumentar a taxa de conversão? Tenha você uma loja virtual com poucas ou muitas visualizações diárias, se seguir este guia com 7 dicas tenha a certeza que com certeza suas taxas de vendas irão aumentar consideravelmente.

    Por: michelly bonifaciol Negócios> Vendasl 02/03/2015 lAcessos: 11
    michelly bonifacio

    Assim como a psicologia pode interferir no processo de vendas fazendo com que ao aplicar um simples conceito, venda-se mais e mais rapidamente, assim também funciona no processo de precificação. Afinal, o marketing e a psicologia andam juntos. Descubra então, os 3 Princípios Psicológicos Infalíveis de Estratégias de Preços para Aumentar a sua Taxa de Vendas.

    Por: michelly bonifaciol Negócios> Vendasl 02/03/2015
    RONALDO VAZ

    Segundo Robert Cialdine, que é doutor em psicologia social pela Universidade da Carolina do Norte, Estados Unidos, e um dos maiores especialistas em vendas do mundo, existem 3 tipos básicos de vendedores: O ruim O bom O excelente

    Por: RONALDO VAZl Negócios> Vendasl 26/02/2015 lAcessos: 13
    Edson

    Procura uma resposta pela qual você não está vendendo bem? Vender não é fácil, e o que dizer de estar vendendo bem. As vendas estão cada vez mais difícil, são muitos concorrentes, os clientes estão cada vez mais exigentes e o vendedor acaba cometendo alguns erros que o faz com que ele não esteja vendendo bem.

    Por: Edsonl Negócios> Vendasl 26/02/2015

    Série de dicas para tornar a venda do imóvel mais fácil, tornando o caminho para a negociação de sua casa ou apartamento mais curto, diminuindo empecilhos para o futuro comprador.

    Por: Lucianol Negócios> Vendasl 16/02/2015
    Robson Freitas

    Exsitem x implicações quando essas configurações não são feitas; 1) Muitos dos destinatários não receberão seu email marketing, já que hoje muitos ISP (Provedor de serviços de internet) exigem o certificado para entregar a mensagem ao usuário final. 2) Não estar com as certificações e configurações de acordo, fará que o seu email marketing vá para a caixa de spam com maior facilidade.

    Por: Robson Freitasl Negócios> Vendasl 15/02/2015

    O biodiesel é feito dos recursos renováveis sustentáveis que estão abundantes e disponíveis aqui em Brasil. É feito dos óleos de planta, das gorduras animais e mesmo da óleo de cozinha e funciona nos motores diesel convencionais, com uma exceção principal - o biodiesel reduz significativamente emissões prejudiciais.

    Por: John Kaweskel Notícias & Sociedade> Meio Ambientel 01/04/2009 lAcessos: 1,719

    Comments on this article

    0
    monstrim 27/10/2010
    umA MERDA!!
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast