Sou contra e-book. Sou?

Publicado em: 30/01/2012 |Comentário: 0 | Acessos: 50 |

Há algum tempo realizei uma reorganização do escritório. Selecionei um monte de papeis inúteis, apostilas de cursos antigos, documentos com mais de dez anos de idade - absolutamente inúteis, e outros objetos que a gente vai guardando sem saber por que. Confesso, estou usando agora cerca de 40% do espaço que utilizava antes.

Mas, deparei-me com o momento mais difícil: que fazer com os livros?

Os livros de engenharia mecânica, do mestrado em engenharia de produção cursado na bela Santa Catarina, do doutorado na USP? E tantos outros livros de leituras complementares, filosóficas, romance ou literatura? Que fazer com 476 livros?

Fiz doação!

Doei para pessoas e instituições que possam fazer uso já que, para mim, já absorvi o que precisava e, para as pessoas com quem me relaciono, os empréstimos que faço vinham escasseando mais e mais.

Ainda tenho uma quantidade razoável de livros no escritório. Livros que uso com alguma frequência, e que costumo emprestar para amigos, alunos e clientes.

E fiquei a pensar sobre este tal de e-book (livros eletrônicos), aparelhinhos minúsculos, menores que um livro médio, que além de portarem o conteúdo de livros, ainda permitem algumas funções como acesso a internet, envio de mensagens, e tantas outras.

Mas registro que não gosto de e-book. Sou contra o e-book. Gosto mesmo é de manter pilhas e pilhas de papel e documentos, ocupando espaço na prateleira, e mofando nos armários. Sei que o e-book consegue comportar milhares de livros, mas prefiro continuar ocupando espaço na minha biblioteca.

Sou contra o e-book. Prefiro o cheirinho de mofo dos livros antigos, com todo o risco de atrair traças e bichinhos alérgicos que possam advir.

Sou contra o e-book. Prefiro carregar 3 livros em minha bolsa para ficar lendo nos aeroportos, aviões ou qualquer momento em que tenha que ficar esperando algum evento. Para que ficar carregando milhares (eu disse milhares) de livros num aparelhinho que pesa quase nada?

Sou contra o e-book. Prefiro continuar patrocinando o uso de recursos naturais, como papel, tinta, etc. para imprimir os livros físicos.

Sou contra o e-book. Prefiro ter que me deslocar até uma loja para comprar um livro, ou, se comprar via internet, ficar aguardando dias ou semanas até receber o livro nacional ou internacional. Este negócio de comprar e receber imediatamente não me atrai. Prefiro esperar 30 dias por um livro vindo de outro continente.

Sou contra o e-book. Prefiro o livro físico, com a letra fixa, mesmo que eu tenha que usar uma lupa. Esse negócio de aumentar a letra para vários tamanhos, mudar a cor da página, fazer anotações, compartilhar posts via twitter ou facebook. Nada disto me atrai.

E o que dizer de marcar trechos do livro? Prefiro o marcador de texto "amarelo", ainda que esteja usando recursos naturais para produzir o plástico da caneta e a tinta.

Você já perdeu algum livro? Um livro tão importante para você que foi necessário comprar outro? Se você usa um e-book, e perder o seu aparelho, não precisa comprar toda a sua biblioteca novamente. Basta, com um novo aparelho, acessar toda a sua biblioteca virtual na livraria virtual onde você comprou, e resgatar (baixar) todos os livros, com todas asa informações de marcações, notas, que você havia feito. Mesmo assim, sou contra o e-book.

Finalizando...

Se você tem smartphone (iPhone, Blackberry, Galaxy, ou outro qualquer), pergunto: onde você guarda os CDs que compra? Garanto que você é daqueles que não gostam de ouvir música sem "pegar" o CD, ou sem sentir o cheirinho do CD, não é mesmo. Então continue comprando CD, e DVD.

Por tudo isto sou contra o e-book!

Sou?

Kleber Nóbrega

Este e outros artigos sobre serviços estão disponibilizados no Blog de Kleber Nóbrega (www.klebernobrega.com.br) e seu autor pode ser contatado através do email: kleber@klebernobrega.com.br

Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 0 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/vendas-artigos/sou-contra-e-book-sou-5614214.html

    Palavras-chave do artigo:

    livros

    ,

    ebook

    ,

    leitura

    Comentar sobre o artigo

    Francisco Eudes Rocha

    - Que legal. Agora entendo que os escritos sagrados são por si interpretados se nós conseguirmos localizar interpretação dos simbolos! Mas você esqueceu que está agendado para as montanhas hoje e não foi. – Alguma coisa aconteceu.

    Por: Francisco Eudes Rochal Literatura> Ficçãol 09/12/2011 lAcessos: 78

    Longe de dizer que não seja louvável dedicar todo e qualquer tempo livre para a leitura, mas limitar os livros ao exíguo e opressor espaço do transporte público paulistano é praticamente uma maldade.

    Por: Luiz Soaresl Literatural 01/02/2009 lAcessos: 257
    Michael Pinheiro

    Assim como qualquer novo produto tecnologicamente disponível, o ebook está causando ondas de excitamento ao redor do globo. Previamente usado para estudos acadêmicos por causa de suas características e formato claro, o ebook é agora largamente disponível para o público geral em uma variedade de opções.

    Por: Michael Pinheirol Negócios> Negócios Onlinel 10/11/2011 lAcessos: 30

    Ebook-Direito, livraria jurídica online especializada em conteúdo digital com o objetivo de facilitar a vida do profissional do direito.

    Por: ebookdireitol Tecnologia> Tecnologiasl 19/12/2012 lAcessos: 19
    thiago

    Sucesso na criação de um ebook depende de vários fatores. A escolha um tópico é uma garantia quase total do sucesso ao fracasso. A primeira coisa que você precisa fazer é se certificar de que há uma demanda por informações sobre o produto que você pretende criar. Se não há demanda, então não há incentivo real para dedicar seu tempo na criação de um livro digital .

    Por: thiagol Negócios> Negócios Onlinel 15/07/2011 lAcessos: 199 lComentário: 1

    O ebook ou livro eletrônico também é chamado de eco-book. É o livro digital equivalente ao livro tradicional impresso. O conteúdo é lido em computadores pessoais ou por meio de dispositivos chamados de leitores de livros.

    Por: Roberto Sedyciasl Tecnologia> Tecnologiasl 10/07/2008 lAcessos: 583
    Francisco Eudes Rocha

    Na defesa da mata verde, consequentemente do oxigênio que respiramos, mereceria nota dez todos que tivessem a nobre conscientização em buscar alternativas para reduzir grande parte de materiais em papel, onde anualmente o Governo despende gastos astronômicos com a emissão de milhares e milhares de toneladas desses materiais, em grande parte substituíveis por ferramentas digitais, sobretudo nas instituições públicas de ensino.

    Por: Francisco Eudes Rochal Educação> Educação Onlinel 30/07/2011 lAcessos: 25

    Ebook-ley, librería legal en línea especializada en contenidos digitales con el fin de facilitar la vida de deber profesional.

    Por: ebookdireitol Tecnologia> Tecnologiasl 24/10/2012 lAcessos: 23
    Públio Athayde

    Outro livro disponível para compra pelo sistema de impressão sob demanda! Estou preparando para disponibilizar todos meus trabalhos. Com com o apoio de meus leitores, milhares, que se dispuseram a ler meus trabalhos nas versões e-book. Agora eles podem ser impressos!

    Por: Públio Athaydel Literatural 30/10/2009 lAcessos: 654

    Algumas dúvidas sobre este produto de seguro sucintam vários desentendimentos entre usuário X corretores X seguradoras.

    Por: Eduardol Negócios> Vendasl 17/12/2014

    Estamos nos aproximando do início de 2015 e, em muitas empresas, do começo do novo ano fiscal. Neste momento, as equipes de vendas, ao mesmo tempo em que trabalham no fechamento dos números do ano que se encerra, começam a trabalhar nos objetivos de receita para o próximo ano.

    Por: Flávia Ghiurghil Negócios> Vendasl 16/12/2014
    Portais Imobiliarios

    O comprador entra em contato com o corretor de imóveis, o profissional faz o contato com o proprietário, consegue descontos e, mesmo assim, o cliente fecha o negócio diretamente com o dono do imóvel. O que fazer em uma situação embaraçosa assim? Quais os direitos do corretor de imóveis nesse caso?

    Por: Portais Imobiliariosl Negócios> Vendasl 15/12/2014

    O artigo relata sobre o mercado imobiliário, dicas de possíveis tendências que irão surgir no ano de 2015

    Por: villevoxl Negócios> Vendasl 11/12/2014
    Vinicius Souza

    Quer saber o que fazer para importar roupas de marca com qualidade e com baixos preços e totalmente originais de fábrica sem precisar perder tempo e dinheiro?

    Por: Vinicius Souzal Negócios> Vendasl 11/12/2014

    Se você pretende ser um bom corretor de imóveis na cidade de Campinas, vou dar algumas dicas importantes para quem está começando.

    Por: valverdeimovell Negócios> Vendasl 10/12/2014

    Durante anos, gerentes de venda têm usado a analogia do funil para descrever o fluxo dos prospectos, desde a sua identificação até o fechamento dos negócios. Sempre foi um uso conveniente, uma vez que representa uma entrada larga onde entra um número grande de candidatos a comprador, porém, lá no final, poucos saem

    Por: Flávia Ghiurghil Negócios> Vendasl 09/12/2014
    Portais Imobiliarios

    Uma barra de chocolate causou a demissão de um corretor de imóveis no Reino Unido.

    Por: Portais Imobiliariosl Negócios> Vendasl 08/12/2014
    Kleber Nóbrega

    Nas situações em que você pretende que o seu produto seja adequado a várias situações ou diferentes tipos de usuários. Você não precisa ter o melhor produto do mercado, um produto excelente, ou de preço, mas quer que ele sirva a seus clientes em diferentes situações ou momentos.

    Por: Kleber Nóbregal Negóciosl 06/08/2012 lAcessos: 78
    Kleber Nóbrega

    Trabalho em equipe pressupõe comunicação eficaz, certo? Excelência em serviços pressupõe trabalho em equipe certo? Como um dentista pode ser excelente se não conversa com sua assistente? Veja o caso abaixo...

    Por: Kleber Nóbregal Negócios> Atendimento ao Clientel 30/07/2012 lAcessos: 122
    Kleber Nóbrega

    Muito tem se falado sobre oferecer serviços como um diferencial competitivo, tanto para indústrias como para empresas de prestação de serviços. Você sabe o que significa ter uma "estratégia de serviço"? O que é uma estratégia baseada em serviço?

    Por: Kleber Nóbregal Negócios> Gestãol 23/07/2012 lAcessos: 90
    Kleber Nóbrega

    Você sabe o que é presteza? Você sabe o impacto da presteza na qualidade dos serviços? É possível uma loja não gostar de vender, e colocar dificuldades para o cliente comprar algo que precisa? Veja o caso abaixo...

    Por: Kleber Nóbregal Negócios> Vendasl 16/07/2012 lAcessos: 132
    Kleber Nóbrega

    Muito tem se falado sobre oferecer serviços como um diferencial competitivo, tanto para indústrias como para empresas de prestação de serviços. Você sabe o que significa ter uma "estratégia de serviço"? O que é uma estratégia baseada em imagem?

    Por: Kleber Nóbregal Negócios> Administraçãol 26/06/2012 lAcessos: 168
    Kleber Nóbrega

    O que é qualidade? Para alguns, qualidade é sinônimo de perfeição. Para outros, qualidade é o que o cliente quer. Há aqueles que pensam que qualidade é ausência de defeitos em um produto. Tem outros para quem qualidade é algo subjetivo. Por fim, há os que acreditam que qualidade é um produto que faz mais pelo cliente

    Por: Kleber Nóbregal Negócios> Gestãol 18/06/2012 lAcessos: 92
    Kleber Nóbrega

    O que atrai um médico para "recomendar" um hospital a seu cliente-paciente? Até que ponto a indicação de um médico afeta a escolha do paciente pelo hospital onde fazer sua cirurgia ou internação? O que atrai um paciente para determinado hospital?

    Por: Kleber Nóbregal Negócios> Gestãol 11/06/2012 lAcessos: 71
    Kleber Nóbrega

    Você seria capaz de acreditar que, em Fortaleza, existe um restaurante que, literalmente, tange os clientes? Você considera esta uma forma adequada de tratar o cliente? Mandar cliente embora é aceitável?

    Por: Kleber Nóbregal Negócios> Atendimento ao Clientel 28/05/2012 lAcessos: 134
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast