TÉCNICAS DE VENDAS: Como Lidar Com a Indiferença, o Ceticismo e as Objeções

Publicado em: 03/11/2010 |Comentário: 0 | Acessos: 1,155 |

Especialistas em vendas vêm afirmando ao longo do tempo que no ato da compra alguns clientes demonstram determinadas atitudes, as quais eles classificaram em (a) Atitude de Indiferença; (b) Atitude de Ceticismo; e (c) Atitude de Objeções.

Mas, a finalidade de uma entrevista de vendas é conduzir o pretendente à etapa do "Fechamento" (ou Conclusão) e, diante disso, é necessário que o profissional de vendas saiba pôr em prática algumas técnicas para poder vencer essas etapas e conduzir a venda ao fechamento. Diante disso, veremos abaixo como suplantar essas atitudes dos clientes:

 

A) Como lidar com a Indiferença:

A tarefa que representa o maior desafio para um Profissional de Vendas é como tratar um cliente indiferente; pois esse tipo normalmente, não está disposto a revelar muitas informações. Existem 2 (duas) razões para o cliente demonstrar essa atitude: (A) ou ele está satisfeito com o produto que utiliza atualmente ou (B) ele ainda não percebeu a necessidade pelo tipo de produto vendido.

Quando o Cliente está satisfeito com algum produto (ou serviço), a estratégia do vendedor deverá ser a de fazer perguntas fechadas para descobrir áreas eventuais de insatisfação. As sondagens fechadas também permitirão controlar melhor a entrevista. Se o Cliente estiver satisfeito com o produto usado atualmente, há poucas probabilidades de sondagens abertas revelarem quaisquer áreas de insatisfação.

Quando formular as sondagens fechadas, o profissional de vendas poderá usar o conhecimento que tem de usar o produto concorrente. Explorando adequadamente essas áreas, ele descobrirá eventuais áreas de insatisfação e criar uma necessidade para o cliente usar o seu produto.

Quando o Cliente é indiferente a algum produto porque nunca o utilizou antes e não vê necessidade de fazê-lo, o vendedor deverá sondá-lo a fim de descobrir áreas de necessidade que seu produto poderá atender. Novamente aqui o profissional de vendas deverá utilizar sondagens fechadas com base em informações anteriores.

Finalmente, no caso de extrema indiferença, quando as sondagens fechadas não produzirem informações significativas sobre as necessidades, o vendedor deverá partir para a etapa do Fechamento. Nesse caso, ele deverá resumir os benefícios relacionados com suas sondagens fechadas e pedir um compromisso do Cliente. Isso produzirá o efeito de "sacudi-lo", fazendo-o revelar algumas informações úteis.

 

B) Como lidar com o Ceticismo :

 

Quando o Cliente está cético (ou seja, descrente), ele normalmente declara que determinado benefício é importante, porém duvida que o produto possa proporcionar esses benefícios. Nesse caso, o profissional de vendas deverá oferecer uma comprovação disso.

Quando for oferecer provas, o vendedor deverá, em primeiro lugar, reapresentar o benefício e, em seguida, comprovar o benefício citando alguma fonte que – em sua opinião – seja aceitável para o Cliente. Em terceiro lugar, ele deve expandir o benefício.

Ao reapresentar algum benefício, o profissional de vendas deve demonstrar ao Cliente que reconhece a importância do benefício e que compreende o que ele questionou.

Ao citar uma fonte de prova o vendedor poderá usar uma demonstração, o testemunho de terceiros, informações escritas - como artigos em publicações especializadas, ou fatos estatísticos, ou até mesmo qualquer outra fonte que, a seu ver, o Cliente possa aceitar como comprovação do benefício.

Como a fonte de prova só tem valor se for pertinente ao benefício em questão, a expansão permite-lhe demonstrar como a situação do Cliente é parecida com a da fonte de prova, explicar a importância das informações prestadas, e expressar uma conclusão baseada nas informações dadas.

Quando a fonte de provas não for aceita e o vendedor não entender porque, ele deverá utilizar uma sondagem aberta para descobrir a razão. Depois, ele deverá cite uma outra fonte mais aceitável e, desta vez, não será necessário declarar de novo ou expandir o benefício e tudo o que ele precisará fazer é citar uma fonte que seja aceitável.

 

C) Como lidar com as Objeções :

Normalmente as Objeções se enquadram em (A) Objeções Devidas a Alguma Incompreensão a Respeito do Produto; e (B) as Objeções Decorrentes da Percepção de Desvantagens no Produto

Uma Objeção devida a alguma incompreensão pode surgir quando o Cliente estiver erroneamente informado acerca de uma característica específica do produto. Esse tipo de Objeção deve ser tratado, primeiramente repetindo-se a Objeção em forma de pergunta; e depois, respondendo diretamente a essa pergunta e oferecendo uma prova, caso necessário.

A Objeção devida à percepção de desvantagem ocorre quando o Cliente procura uma determinada característica ou benefício que o produto não oferece. O Cliente pode perceber como desvantagem o fato de usar o produto, em virtude de o mesmo não oferecer o benefício que ele considera importante. Ou então, o Cliente pode simplesmente não gostar de alguma coisa a respeito do produto. (o preço é uma desvantagem facilmente percebida)

Diante de uma Objeção desse tipo, o profissional de vendas deverá repetir a Objeção em forma de pergunta, e depois minimizá-la, enfatizando outros benefícios importantes, utilizando sondagens fechadas. Os benefícios mencionados podem ser os antigos, os mesmos já aceitos durante a visita de venda ou até mesmo novos benefícios, os quais o vendedor vai precisar mencionar para maiores sondagens e apoios, ou ambos.

 

Como repetir a Objeção em forma de pergunta :

 

Ao lidar com uma Objeção, é importante primeiro repeti-la em forma de pergunta, pelas seguintes razões:

  • Para esclarecer a Objeção e certificar-se de que tanto o vendedor quanto como o Cliente entenderam-na da mesma maneira
  • Para demonstrar ao Cliente que o profissional de vendas prestou atenção e reconheceu aquelas áreas como pontos de preocupação
  • Para organizar a resposta através de reformulação, o que permitirá ao vendedor alguns minutos extras para poder determinar que tipo de Objeção foi levantada e como ele deve prosseguir a partir dali.

 

É importante lembrar que, ao reformular alguma Objeção, o vendedor não deverá sugerir qualquer concordância com a Objeção, pois os pensamentos negativos do Cliente nunca deverão ser reforçados de maneira positiva.

Finalmente, é de grande relevância contornar imediatamente qualquer Objeção, porque é o que está na mente do Cliente naquele momento. Somente após ter contornado essa Objeção satisfatoriamente é que o profissional de vendas deverá prosseguir com a entrevista. Exemplos de inícios de reformulações / repetições em forma de perguntas :

  • "Então, o que o preocupa é......"
  • "Se entendi bem, o que o Sr. diz é......."
  • "O Sr. diz que não espera ter qualquer melhoria em ....."
  • "O que o Sr. gostaria é que......"
  • "Então, o Sr. preferiria........"

Exemplos de inícios para minimizar uma Objeção através da ênfase aos benefícios importantes:

  • "Vamos examinar a situação global por um momento...."
  • "Permita-me que lhe faça algumas perguntas : O SR. concorda que o que necessita é....."
  • "Bem, já chegamos à conclusão que ......"
Avaliar artigo
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 1 Voto(s)
    Feedback
    Imprimir
    Re-Publicar
    Fonte do Artigo no Artigonal.com: http://www.artigonal.com/vendas-artigos/tecnicas-de-vendas-como-lidar-com-a-indiferenca-o-ceticismo-e-as-objecoes-3603336.html

    Palavras-chave do artigo:

    ceticismo

    ,

    tecnicas

    ,

    abordagem

    Comentar sobre o artigo

    Qualquer que seja a definição adotada é possível entender a antropologia como uma forma de conhecimento sobre a diversidade cultural, isto é, a busca de respostas para entendermos o que somos a partir do espelho fornecido pelo "Outro"; uma maneira de se situar na fronteira de vários mundos sociais e culturais, abrindo janelas entre eles, através das quais podemos alargar nossas possibilidades de sentir, agir e refletir sobre o que, afinal de contas, nos torna seres singulares, humanos.

    Por: Carlosl Educação> Ensino Superiorl 18/09/2013 lAcessos: 61
    Sergio Sebold

    O presente trabalho propõe um ponto de união entre as duas vertentes: tecnicismo e humanismo na educação para se chegar ao cidadão integral. Neste estudo procura-se dar alguns esboços, para tentar juntar este binômio, usando como pano de fundo os temas transversais. A proposta desenvolvida procura dar os passos iniciais para uma discussão ampla sobre o tema.

    Por: Sergio Seboldl Carreira> Recursos Humanosl 13/01/2011 lAcessos: 1,386
    MARISA GONÇALVES CRUZ

    O presente artigo trata de uma pesquisa detalhada sobre conceitos, procedimentos e políticas adotadas com crianças superdotadas ou com altas habilidades para que possa auxiliar profissionais da educação, pais e outros. Onde são abordadas diversas questões que envolvem a superdotação, com o objetivo de se obter maiores dados para entender o que ocorre nessa mente tão especial e amenizar os problemas decorrentes dessa dotação, para adaptá-la ao meio em que vive.

    Por: MARISA GONÇALVES CRUZl Educação> Educação Onlinel 07/09/2010 lAcessos: 3,480 lComentário: 2
    Joselene Beatriz soares Silva

    RESUMO O estresse é um grau de desgaste no corpo e da mente, que pode atingir níveis degenerativos. O aumento do hormônio cortisol (95%) leva o indivíduo a um estado eufórico na tentativa de enfrentar o estresse ocasionando distúrbios orgânicos característicos da fadiga. A partir daí, surge às doenças psicossomáticas [...]. (BENEVIDES, 2005 et al GRAÇAS 2005). OBJETIVOS: Fazer um levantamento dos efeitos negativos do estresse emocional no corpo humano e apresentar meios para gerenciá-lo. METOD

    Por: Joselene Beatriz soares Silval Saúde e Bem Estarl 24/08/2010 lAcessos: 9,916
    Pm Analysis Assessoria

    A ANÁLISE DO VALOR IMPLEMENTADA NA GESTÃO DA ORGANIZAÇÃO

    Por: Pm Analysis Assessorial Negócios> Gestãol 22/10/2010 lAcessos: 88

    Algumas dúvidas sobre este produto de seguro sucintam vários desentendimentos entre usuário X corretores X seguradoras.

    Por: Eduardol Negócios> Vendasl 17/12/2014

    Estamos nos aproximando do início de 2015 e, em muitas empresas, do começo do novo ano fiscal. Neste momento, as equipes de vendas, ao mesmo tempo em que trabalham no fechamento dos números do ano que se encerra, começam a trabalhar nos objetivos de receita para o próximo ano.

    Por: Flávia Ghiurghil Negócios> Vendasl 16/12/2014
    Portais Imobiliarios

    O comprador entra em contato com o corretor de imóveis, o profissional faz o contato com o proprietário, consegue descontos e, mesmo assim, o cliente fecha o negócio diretamente com o dono do imóvel. O que fazer em uma situação embaraçosa assim? Quais os direitos do corretor de imóveis nesse caso?

    Por: Portais Imobiliariosl Negócios> Vendasl 15/12/2014

    O artigo relata sobre o mercado imobiliário, dicas de possíveis tendências que irão surgir no ano de 2015

    Por: villevoxl Negócios> Vendasl 11/12/2014
    Vinicius Souza

    Quer saber o que fazer para importar roupas de marca com qualidade e com baixos preços e totalmente originais de fábrica sem precisar perder tempo e dinheiro?

    Por: Vinicius Souzal Negócios> Vendasl 11/12/2014

    Se você pretende ser um bom corretor de imóveis na cidade de Campinas, vou dar algumas dicas importantes para quem está começando.

    Por: valverdeimovell Negócios> Vendasl 10/12/2014

    Durante anos, gerentes de venda têm usado a analogia do funil para descrever o fluxo dos prospectos, desde a sua identificação até o fechamento dos negócios. Sempre foi um uso conveniente, uma vez que representa uma entrada larga onde entra um número grande de candidatos a comprador, porém, lá no final, poucos saem

    Por: Flávia Ghiurghil Negócios> Vendasl 09/12/2014
    Portais Imobiliarios

    Uma barra de chocolate causou a demissão de um corretor de imóveis no Reino Unido.

    Por: Portais Imobiliariosl Negócios> Vendasl 08/12/2014
    Julio Cesar S. Santos

    Qual o Nível de Importância do Treinamento na Sua Organização? Treinamento é Considerado um Investimento ou Custo?

    Por: Julio Cesar S. Santosl Negócios> Gestãol 07/11/2013 lAcessos: 38
    Julio Cesar S. Santos

    Como Está a Facilidade de Compra Para Novos Consumidores? Como Monitorar os Consumidores Fiéis às Marcas, Quanto ao Ataque de Concorrentes Sérios?

    Por: Julio Cesar S. Santosl Marketing e Publicidade> Marketing Internacionall 28/09/2013 lAcessos: 33
    Julio Cesar S. Santos

    Quem Deve Ser o Responsável Pela Previsão de Vendas Numa Organização? A Área de Vendas ou de Marketing?

    Por: Julio Cesar S. Santosl Marketing e Publicidade> Marketing Internacionall 20/09/2013 lAcessos: 39
    Julio Cesar S. Santos

    É Possível Transformar Produtos Regionais em Marcas Globalizadas? Qual é o Papel da Comunicação Nesse Processo? A Comunicação Vende Produtos ou Marcas?

    Por: Julio Cesar S. Santosl Marketing e Publicidadel 27/08/2013 lAcessos: 31
    Julio Cesar S. Santos

    Como Construir a Amplitude de Uma Marca? O Que é Arquitetura da Marca? Os Investimentos São Fundamentais Nessa Construção?

    Por: Julio Cesar S. Santosl Marketing e Publicidade> Marketing Internacionall 24/08/2013 lAcessos: 31
    Julio Cesar S. Santos

    Qual Era a Posição dos Americanos em Relação aos Produtos Defeituosos? Qual a Importância de Deming e Juran Para a Qualidade Total? O Que os Japoneses Fizeram Pela Qualidade?

    Por: Julio Cesar S. Santosl Negócios> Administraçãol 21/08/2013 lAcessos: 42
    Julio Cesar S. Santos

    O Sucesso de Uma Organização Está Ligado ao Seu Gerenciamento? Quais as Qualidades Essenciais do Manager? Veja Algumas Decisões Acertadas e Outras Nem Tanto

    Por: Julio Cesar S. Santosl Carreira> Gestão de Carreiral 23/07/2013 lAcessos: 32
    Julio Cesar S. Santos

    No livro "Como Afundar Sua Empresa" os autores Bruce Nash e Alla Zullo fazem um levantamento dos principais erros de marketing que provocaram prejuízos a grandes organizações, mostrando uma coleção de promoções mal calculadas e lançamentos fracassados, causados pelas trapalhadas de seus profissionais de marketing.

    Por: Julio Cesar S. Santosl Marketing e Publicidade> Marketing Internacionall 14/07/2013 lAcessos: 37
    Perfil do Autor
    Categorias de Artigos
    Quantcast